Revelado problema de saúde de Júlia Pinheiro. Apresentadora já está em casa

Após ter estado internada pela segunda vez, Júlia Pinheiro já recebeu alta e encontra-se a recuperar em casa. Médicos já detetaram qual o problema de saúde da apresentadora.

Revelado problema de saúde de Júlia Pinheiro. Apresentadora já está em casa

Após ter estado internada pela segunda vez, Júlia Pinheiro já recebeu alta e encontra-se a recuperar em casa. Médicos já detetaram qual o problema de saúde da apresentadora.

Após ter estado internada pela segunda vez, no Hospital da luz, em Lisboa, Júlia Pinheiro já teve alta e está em casa. Esta quarta-feira, dia 23 de novembro, a Maria apurou junto da agência da apresentadora da SIC que Júlia foi diagnosticada com dor neuropática. De acordo com a mesma fonte Júlia Pinheiro irá, em princípio, regressar ao trabalho já na próxima semana. Recorde-se que a apresentadora esteve afastada do programa da tarde da SIC no início do mês de novembro, tendo sido submetida a uma cirurgia à vesícula. Júlia regressou, na segunda-feira da semana passada, ao canal mas no dia seguinte voltou a estar ausente.

O que é uma dor neuropática?

A dor neuropática é um tipo de dor crónica “que resulta de uma lesão no sistema nervoso, podendo ser provocada por infecções, como o herpes ou doenças como diabetes, por exemplo, ou resultar de uma disfunção do sistema nervoso”, segundo o site A Tua Saúde. “Além disso, a dor pode ser acompanhada por edema e sudorese, alterações do fluxo sanguíneo local ou por alterações dos tecidos, como atrofia ou osteoporose. Esse tipo específico de dor é causada quando um “curto-circuito” altera os sinais nervosos que são então anormalmente interpretados no cérebro, podendo causar sensação de queimação e outras sensações extremamente dolorosas, estando a dor neuropática classificada como um dos principais tipos de dor crónica. Esta doença não responde muito bem aos tratamentos habituais para a dor, sendo necessário recorrer a analgésicos de ação central, anticonvulsivantes ou antidepressivos”, lê-se.

Causas da dor neuropática

A dor neuropática pode ser causada por vários fatores como:

  • Alcoolismo ou deficiência nutritiva, que afetam a função nervosa de forma significativa;
  • Diabetes mellitus, que afeta principalmente os membros, causando neuropatia diabética periférica;
  • Problemas nos nervos faciais;
  • Problemas de tireoide;
  • Infecções por bactérias ou vírus, como sífilis, herpes ou AIDS por exemplo, que podem afetar os nervos pela libertação de toxinas;
  • Traumas na medula espinhal, provocadas por acidentes, fraturas ou cirurgias;
  • Amputação de um membro, em que surge uma dor referida ao membro desaparecido, conhecida por dor do membro fantasma.
Texto: Sofia Mendes; Fotos: Redes Sociais

Impala Instagram


RELACIONADOS