Gémeas torturadas e violadas pelo pai durante 10 anos

Uma das gémeas chegou a engravidar do próprio pai.

Gémeas torturadas e violadas pelo pai durante 10 anos

Uma das gémeas chegou a engravidar do próprio pai.

Duas irmãs gémeas foram violadas e torturadas pelo próprio pai, todos os dias, durante 10 anos, em Minneanapolis, nos Estados Unidos. As vítimas, na casa dos 20 anos, eram acorrentadas num quarto da casa de família, onde eram torturadas, abusadas e deixadas à fome pelo pai, de 51 anos. Não permitia que as filhas tivessem contacto com o mundo exterior e o caso foi denunciado por uma das gémeas, que conseguiu escapar e sair da casa depois de uma sessão de abusos sexuais. O agressor acabou por ser detido, contudo a mãe das vítimas encontra-se em fuga e é suspeita de cumplicidade. A mulher também foi acusada por outra filha, de 10 anos, de agressão.

LEIA DEPOIS
Homem fica obcecado em matar mulheres loiras após cirurgia ao cérebro

«Forçava-me a fazer sexo com ele todos os dias desde que entrei na adolescência», acusa uma das gémeas

«Ele forçava-me a fazer sexo com ele. Fez isto todos os dias desde que eu entrei na adolescência. E fez o mesmo à minha irmã. Sinto-me tão bem por não estar acorrentada à minha cama», revelou uma das gémeas à Polícia. De acordo com a comunicação social local, a irmã mais velha revelou às autoridades que os abusos começaram quando os pais descobriram que esta já era sexualmente ativa. Nesse momento, foi acorrentada à cama e violada repetidamente. A outra gémea começou a ser abusada depois e engravidou duas vezes do pai. Quando foi resgatada, teve de ser amputada, devido a feridas nos pés causadas pelas correntes.

Irmã mais velha só tem a orelha esquerda, a direita terá sido arrancada durante as agressões

A irmã mais velha só tem a orelha esquerda, a direita terá sido arrancada durante as agressões. Tacos de basebol, cintos e pedaços de madeiras eram as armas mais utilizadas pelo pai, nas sessões de tortura. Ambas as jovens têm cicatrizes na cabeça e nas costas. O agressor está neste momento a aguardar julgamento em prisão preventiva.

LEIA MAIS
Mulher grávida de 8 meses morre eletrocutada na banheira devido a carregador de telémovel
Cão protegia dono de 16 anos e é baleado três vezes por assaltantes

Impala Instagram


RELACIONADOS