Imprensa espanhola ‘estranha’ não haver adeptos à porta do hospital a apoiar Casillas

«Dá para perceber que o Iker é muito querido em Portugal, por isso estranhamos não haver adeptos à porta do hospital. Se fosse em Espanha de certeza que haveria muitas pessoas do clube aqui», explica ao Portal de Notícias o jornalista espanhol, Alberto Guemes, do canal de televisão Movistar Plus.

Imprensa espanhola ‘estranha’ não haver adeptos à porta do hospital a apoiar Casillas

«Dá para perceber que o Iker é muito querido em Portugal, por isso estranhamos não haver adeptos à porta do hospital. Se fosse em Espanha de certeza que haveria muitas pessoas do clube aqui», explica ao Portal de Notícias o jornalista espanhol, Alberto Guemes, do canal de televisão Movistar Plus.

«Dá para perceber que o Iker é muito querido em Portugal, por isso estranhamos não haver adeptos à porta do hospital. Se fosse em Espanha de certeza que haveria muitas pessoas do clube aqui», explica ao Portal de Notícias o jornalista espanhol, Alberto Guemes, do canal de televisão Movistar Plus.

Desde a passada quarta-feira, dia em que o guardião portista sofreu um enfarte do miocárdio, que a imprensa espanhola não arreda pé da CUF Porto. São cerca de quarenta os profissionais da comunicação social estrangeira que chegaram a Portugal para fazer a cobertura jornalística do estado de saúde o campeão do mundo de Espanha.

Algo que se manterá até à alta de Iker Casillas, que deverá acontecer na próxima segunda-feira, dia 6 de maio. «Para Espanha o Iker é um ídolo desde o mundial. É o melhor guarda-redes da história do futebol espanhol. É muito querido por todos. Há, por isso, muito interesse em tudo o que ele faz e vive. Só iremos embora quando ele tiver alta», avançou Alberto Guemes.

O jornalista diz ainda que o facto de o jogador ter casado com Sara Carbonero o transformou numa figura mais mediática ainda. «Para além da imprensa desportiva, é um casal que dá audiências na imprensa cor de rosa. A Sara, em Espanha, não consegue andar na rua. Ela lá é mais mediática que ele», sublinhou.

O profissional referiu ainda ter percebido que existe mais respeito pela intimidade dos famosos em Portugal do que em Espanha», facto que considera estar na origem da «paixão de Sara Cabonero pela cidade do Porto e por Portugal». Opinião partilhada por Chema Diaz, fotojornalista do jornal AS: «Se o Iker estivesse neste momento a jogar em Espanha a porta do hospital estaria cheia de pessoas e não haveria descanso para amigos e familiares. Nós somos mais agressivos e aqui existe um respeito maior pelas pessoas».

Sara Carbonero leva os filhos ao hospital

Este sábado, 4 de maio, Sara Carbonero e os filhos Lucas e Martín chegaram às 12h00 à CUF para visitar o guarda-redes do FC Porto. À entrada para o parque de estacionamento do hospital, a jornalista fez declarações rápidas à imprensa e garantiu que «o Casillas está bem»: «Passou bem a noite e está tranquilo. Está como ontem, não tenho nada de novo para dizer».

Iker Casillas não deverá receber muitas visitas hoje, pois o FC Porto joga às 20h30, no Estádio do Dragão, com o Desportivo das Aves. Segundo a TV 7 Dias apurou, a claque dos Super Dragões vai homenagear o guardião azul e branco.

Recorde-se que o guarda-redes do FC Porto, de 37 anos, sofreu um enfarte do miocárdio durante o treino da passada quarta-feira e tudo indica que tenha de falhar o resto da temporada.

Texto: Cynthia Valente | Fotos: João Manuel Ribeiro

LEIA MAIS

Mulher desaparecida há 1 ano encontrada sem vida dentro de congelador

Previsão do tempo para domingo, 5 de maio

 

Impala Instagram


RELACIONADOS