Há milhares de crianças por vacinar devido à Covid-19

Segundo a mesma publicação, nos dias 16, 17 e 18 de março foram administradas cerca de 48 mil vacinas, mas nos mesmos dias da semana anterior tinham sido 74 mil.

Há milhares de crianças por vacinar devido à Covid-19

Há milhares de crianças por vacinar devido à Covid-19

Segundo a mesma publicação, nos dias 16, 17 e 18 de março foram administradas cerca de 48 mil vacinas, mas nos mesmos dias da semana anterior tinham sido 74 mil.

A pandemia de Covid-19 está a deixar milhares de crianças por vacinar devido ao receio de muitos pais em levar os filhos às unidades de saúde, escreve o Jornal de Notícias.

LEIA DEPOIS
Meteorologia: Previsão do tempo para quinta-feira

Houve uma quebra média de 8500 vacinas por dia

Segundo a mesma publicação, nos dias 16, 17 e 18 de março foram administradas cerca de 48 mil vacinas, mas nos mesmos dias da semana anterior tinham sido 74 mil. Estes números dão conta de uma quebra média de 8500 vacinas por dia. Perante isto, a Direção-Geral da Saúde (DGS) emitiu um comunicado onde esclarece as prioridades de vacinação.

A vacinação é recomendada até as 12 meses, inclusive. «As crianças devem cumprir atempadamente a vacinação recomendada no primeiro ano de vida, que confere proteção precoce contra onze doenças potencialmente graves. Aos 12 meses, as vacinas contra o meningococo C e contra o sarampo, papeira e rubéola são muito importantes. A situação epidemiológica do sarampo a nível mundial não permite adiar esta vacina», pode ler-se.

A vacinação BCG de crianças de risco identificado de tuberculose grave é considerada prioritária e também a vacinação de doentes crónicos e outros grupos de risco . As grávidas devem «procurar ativamente a vacinação contra a tosse convulsa, que tem como objetivo a proteção do bebé nos primeiros meses de vida. A vacinação poderá ser adiada, mas nunca para além das 28 a 32 semanas de gestação», refere a nota.

LEIA MAIS
Fase de mitigação da Covid-19 entrou hoje em vigor em Portugal

Leia a a sua revista sem sair de casa

Vivemos tempos de exceção mas, mesmo nestes dias em que se impõe o recolhimento e o distanciamento social, nós queremos estar consigo. Na impossibilidade de comprar a sua revista favorita nos locais habituais, pode recebê-la no conforto de sua casa, em formato digital, no seu telemóvel, tablet ou computador.

Eis os passos a seguir:

1 – Aceda a www.lojadasrevistas.pt

2- Escolha a sua revista

3 – Clique em COMPRAR

4 – Clique no ícone do carrinho de compras e depois em FINALIZAR COMPRA

5 – Introduza os seus dados e escolha o método de pagamento

6 – Não tem conta PayPal? Não há problema! Pode pagar através de transferência bancária!

E está finalizado o processo! Continue connosco. Nós continuamos consigo.

Impala Instagram


RELACIONADOS