Há dois anos que centenas de animais morrem à fome no Seixal

O PAN pede a intervenção urgente do Ministério da Agricultura. Dois anos depois da primeira denúnica, mais de cem animais continuam subnutridos no Seixal.

PAN – Pessoas-Animais-Natureza pediu esta quarta-feira ao Ministro da Agricultura, Luís Capoulas Santos, a intervenção junto da Direção-Geral de Alimentação e Veterinária (DGAV) para que a legislação seja cumprida. Em causa está o estado de subnutrição avançado e em risco de vida de centenas de animais numa propriedade do Seixal. Além da alimentação, existem recorrentes denúncias de maus tratos, pode ler-se no site do partido.

A situação não é nova. Em 2016 a Direção-Geral de Alimentação e Veterinária (DGAV) notificou o proprietário dos animais por várias contraordenações graves. André Silva, deputado do PAN, considera que este caso «revela a total ineficácia do sistema».

«Dois anos depois das autoridades se deslocarem ao local e de notificarem inclusive o infrator, a situação piorou. Exemplos como este só encorajam comportamentos de violência extrema para com os animais e um total desprezo pelo valor da sua vida. Não vale de nada ter um ordenamento jurídico que já não considera os animais como coisas, se as entidades responsáveis por salvaguardar os seus interesses básicos os desvalorizam e os deixam à mercê de todo o tipo de abusos», condena André Silva, Deputado do PAN.

Mais de cem animais em risco

As fotografias correm as redes sociais. Pelo menos um dos cavalos não aguentou e acabou por morrer, pode ver-se no Facebook da IRA – Intervenção e Resgate Animal. Os animais pertencem a Luís Manuel Vasconcelos Pereira, assegura o PAN que escreve ainda que «recebeu novas denúncias relativas à ausência de cuidados médico-veterinários, falta de identificação e especialmente a omissão em prestar alimento a equídeos». « Este proprietário tem pelo menos uma centena de animais na sua propriedade, de várias espécies, nomeadamente porcos, vacas, touros, cavalos, póneis, avestruzes, lamas, desconhecendo-se o estado em que se encontram», sublinha o partido na plataforma online.


RELACIONADOS

Há dois anos que centenas de animais morrem à fome no Seixal

O PAN pede a intervenção urgente do Ministério da Agricultura. Dois anos depois da primeira denúnica, mais de cem animais continuam subnutridos no Seixal.