Wall Street regista descida acentuada no início da sessão

A bolsa de Nova Iorque negociava hoje em queda acentuada no início da sessão, seguindo o rumo das bolsas europeias, numa altura em que os investidores receiam novas restrições devido ao aumento de casos de covid-19.

Wall Street regista descida acentuada no início da sessão

Wall Street regista descida acentuada no início da sessão

A bolsa de Nova Iorque negociava hoje em queda acentuada no início da sessão, seguindo o rumo das bolsas europeias, numa altura em que os investidores receiam novas restrições devido ao aumento de casos de covid-19.

Às 14:40 (hora de Lisboa), o índice Dow Jones descia 2,23% para 27.042,36 pontos e o Nasdaq recuava 1,95% para 10.583,96 pontos.

O índice alargado S&P 500 perdia 1,51% para 3.269,27 pontos.

À mesma hora, as bolsas europeias continuavam a negociar no ‘vermelho’, com destaque para as descidas de 3% de Londres e de 3,29% de Paris.

Face ao aumento de casos de covid-19, alguns países europeus já adotaram medidas restritivas direcionadas, como aconteceu em Espanha, Dinamarca, França, Irlanda e Reino Unido.

Nas bolsas, o setor financeiro tem estado hoje sob pressão, após o Consórcio Internacional de Jornalistas de Investigação ter revelado que grandes bancos internacionais permitiram transações com montantes elevados de “dinheiro sujo” entre 1999 e 2017.

O JPMorgan registava uma descida de 3,3% na abertura da bolsa nova-iorquina. Em Frankfurt, o Deutsche Bank baixava 7,16%.

Na sexta-feira Wall Street encerrou em queda, no final de uma semana particularmente volátil, com o setor tecnológico a registar desvalorizações. O Dow Jones baixou 0,88% e o Nasdaq recuou 1,07%.

EO // JNM

By Impala News / Lusa

Impala Instagram


RELACIONADOS