Wall Street recupera de um início de sessão negativo mas fecha em baixa

A bolsa nova-iorquina conseguiu minimizar hoje as perdas com que começou a sessão e encerrou com desvalorizações mais ligeiras, com os investidores a cederem às inquietações sanitárias e políticas.

Wall Street recupera de um início de sessão negativo mas fecha em baixa

Wall Street recupera de um início de sessão negativo mas fecha em baixa

A bolsa nova-iorquina conseguiu minimizar hoje as perdas com que começou a sessão e encerrou com desvalorizações mais ligeiras, com os investidores a cederem às inquietações sanitárias e políticas.

Os resultados definitivos da sessão indicam que o índice seletivo Dow Jones Industrial Average cedeu 0,07%, para os 28.494,20 pontos.

Já o tecnológico Nasdaq recuou 0,47%, para as 11.713.87 unidades, e o alargado S&P500 perdeu 0,15%, para as 3.483,34.

A praça nova-iorquina começou o dia com perdas avultadas, com os investidores inquietos com o impacto da ressurgência da pandemia na Europa e sem esperanças na existência de um plano de estímulo destinado à economia dos EUA, antes das eleições presidenciais em 03 de novembro.

“No início da sessão, acreditou-se que se ia ter um dia de baixa, mas a evolução mudou”, sintetizou Karl Haeling, de LBBW.

“Os investidores têm o sentimento que, apesar da existência na Europa de restrições”, depois de uma aceleração das infeções com o novo coronavirus, “a retórica é mais forte que as medidas impostas”, acrescentou.

“Os investidores não acreditam no fecho total da atividade” na Europa. A França anunciou um recolher obrigatório, a partir de sábado e durante um mês, entre as 21.00 e as 06.00 horas, na região de Paris e em oito outras metrópoles. A Alemanha também vai introduzir mais medidas restritivas.

“Os investidores estão mais motivados neste momento por considerações técnicas do que por notícias fundamentais”, avançou este analista, quando os índices testaram hoje baixos níveis, antes de recuperarem sem que tenha havido uma notícia específica que explique a inversão.

O Dow Jones chegou a estar a desvalorizar 250 pontos na sessão, para os recuperar praticamente todos.

“Os investidores fizeram o seu luto da probabilidade de um plano de estímulo orçamental antes das eleições, quando o secretário do Tesouro, Steven Mnuchin, disse que os congressistas continuavam afastados de qualquer acordo”, apontaram, por sua vez, os analistas da Schwab.

Os indicadores publicados hoje também influenciaram o espírito dos investidores. As inscrições semanais no desemprego voltaram a subir na semana passada, de forma inesperada, o que evidenciou a debilidade da recuperação da economia.

Em 10 de outubro, cerca de 898 mil pessoas inscreveram-se para o subsídio de desemprego, um máximo desde agosto, depois dos 845 mil da semana precedente.

Por outro lado, a atividade industrial evoluiu de maneira contrastada em outubro, registado um crescimento moderado na região de Nova Iorque, mas forte na zona de Filadélfia, segundo os dados das antenas regionais do Sistema da Reserva Federal.

RN // RBF

By Impala News / Lusa

Impala Instagram


RELACIONADOS