Wall Street recua com incerteza sobre disputa comercial

A bolsa de Nova Iorque negociava hoje em queda no início da sessão, com as atenções concentradas de novo no conflito comercial entre China e Estados Unidos.

Wall Street recua com incerteza sobre disputa comercial

Wall Street recua com incerteza sobre disputa comercial

A bolsa de Nova Iorque negociava hoje em queda no início da sessão, com as atenções concentradas de novo no conflito comercial entre China e Estados Unidos.

Às 15:00 (hora de Lisboa), o índice Dow Jones descia 0,18% para 25.830,24 pontos e o Nasdaq recuava 0,13% para 7.775,43 pontos.

O índice alargado S&P 500 perdia 0,35% e estava em 2.854,47 pontos.

A tensão comercial entre Washington e Pequim voltou a aumentar, na sequência de informações sobre a possibilidade de empresas norte-americanas serem impedidas de exportar componentes para mais empresas chinesas consideradas uma ‘ameaça’ para a segurança dos Estados Unidos, depois de inicialmente ter sido visada a Huawei.

Os Estados Unidos anunciaram na segunda-feira à noite que suspenderam por três meses o sancionamento da Huawei, que poderá continuar a utilizar componentes e programas informáticos norte-americanos nesse período transitório, o que levou a uma reação de alívio nos mercados na terça-feira, com a bolsa nova-iorquina a encerrar em alta. O Dow Jones subiu 0,77% e o Nasdaq, dominado pelo setor tecnológico, 1,08%.

No meio da incerteza, vários operadores britânicos e japoneses anunciaram hoje que vão suspender o lançamento de novos modelos do fabricante chinês de ‘smartphones’ para avaliarem o impacto das sanções norte-americanas.

EO // CSJ

By Impala News / Lusa

Impala Instagram


RELACIONADOS