TAP: “Se plano não for aprovado companhia vai fechar” e país perderá centralidade — ministro

Pedro Nuno Santos disse hoje que Portugal “perderá centralidade no negócio da aviação” caso o plano de restruturação da TAP não seja aprovado por Bruxelas.

TAP:

TAP: “Se plano não for aprovado companhia vai fechar” e país perderá centralidade — ministro

Pedro Nuno Santos disse hoje que Portugal “perderá centralidade no negócio da aviação” caso o plano de restruturação da TAP não seja aprovado por Bruxelas.

Matosinhos, 14 dez 2021 (Lusa) — O ministro das Infraestruturas e Habitação, Pedro Nuno Santos, disse hoje que Portugal “perderá centralidade no negócio da aviação” caso o plano de restruturação da TAP não seja aprovado por Bruxelas, algo que levará ao encerramento da companhia, assegurou.

Voltando a manifestar confiança de que o plano esteja aprovado até ao final do ano, o governante alertou que “se a TAP não tiver o plano de reestruturação aprovado vai fechar e Portugal perderá centralidade no negócio da aviação”.

Segundo Pedro Nuno Santos, que falou à margem da apresentação do caderno de encargos para as 117 novas automotoras da CP, em Matosinhos, sem a TAP, o ‘hub’ (centro de conexão de voos) de Portugal passará a ser em Madrid.

“Estamos a falar na única companhia área a operar em Portugal que tem um ‘hub’, que faz viagens intercontinentais entre os Brasil, EUA, África e Portugal e distribui para o resto da Europa”, salientou.

ALYN // CSJ

By Impala News / Lusa

Impala Instagram


RELACIONADOS