Preços dos imóveis comerciais com maior subida desde 2010

O Índice de Preços das Propriedades Comerciais aumentou 5,1% em 2021, mais 2,3 pontos percentuais do que a taxa observada em 2020, sendo o aumento de preços mais elevado desde 2010, segundo dados do INE.

Preços dos imóveis comerciais com maior subida desde 2010

Preços dos imóveis comerciais com maior subida desde 2010

O Índice de Preços das Propriedades Comerciais aumentou 5,1% em 2021, mais 2,3 pontos percentuais do que a taxa observada em 2020, sendo o aumento de preços mais elevado desde 2010, segundo dados do INE.

De acordo com os dados do Instituto Nacional de Estatística (INE), à semelhança do que tem vindo a registar-se desde 2016, o crescimento dos preços das propriedades comerciais foi menos intenso que o observado nas habitações. O mercado dos imóveis residenciais, cujo comportamento é refletido pelo Índice de Preços da Habitação (IPHab), apresentou um crescimento dos preços de 9,4%, acima do registado pelo IPPCom. No entanto, em 2021, as taxas de crescimento dos dois indicadores registaram o menor diferencial desde 2015, 4,3 pontos percentuais, menos 1,7 pontos face a 2020.

Perto de 24 mil transações e mais de 4 mil milhões de euros

Em março de 2022, o INE iniciou a publicação de uma nova série do IPHab em consequência do acesso a informação adicional mais detalhada que lhe foi disponibilizada pela Autoridade Tributária e Aduaneira. Desta forma, foi possível concluir que, em 2021, as aquisições de habitação por parte de outros setores excluindo Famílias totalizaram quase 24 mil transações, correspondentes a pouco mais de 4 mil milhões de euros (cerca de 14% do total das habitações transacionadas em número e em valor).

Arrendamento ou compra de casa – o que é mais caro para quem ganha menos?
De acordo com as contas e as observações de OCDE, Portugal está no limite do razoável para as famílias de baixo rendimento que optam (ou não têm outra hipótese) pelo arrendamento em vez de compra de habitação. (… continue a ler aqui)

Impala Instagram


RELACIONADOS