Portugal vai passar a ter um anúncio próprio da seleção do Guia Michelin ibérico

Os restaurantes portugueses distinguidos no Guia Michelin Espanha e Portugal serão anunciados a partir do próximo ano numa cerimónia autónoma, uma forma de valorizar “a crescente excelência” da gastronomia nacional, anunciou hoje em Toledo o diretor internacional da publicação.

Portugal vai passar a ter um anúncio próprio da seleção do Guia Michelin ibérico

Portugal vai passar a ter um anúncio próprio da seleção do Guia Michelin ibérico

Os restaurantes portugueses distinguidos no Guia Michelin Espanha e Portugal serão anunciados a partir do próximo ano numa cerimónia autónoma, uma forma de valorizar “a crescente excelência” da gastronomia nacional, anunciou hoje em Toledo o diretor internacional da publicação.

“A partir do próximo ano, não vamos ter apenas uma celebração, mas duas, em Espanha e Portugal”, anunciou Gwendal Poullennec, na abertura da cerimónia de apresentação do guia do próximo ano, que decorreu na cidade espanhola de Toledo.

“Não vamos voltar a desvendar a seleção ao mesmo tempo, mas vamos dar aos dois destinos a sua própria celebração”, adiantou, acrescentando: “As cenas culinárias dos dois países merecem o seu próprio impulso e queremos promover melhor o que as faz únicas”.

Poullennec agradeceu ao Turismo de Portugal o apoio nesta iniciativa.

Desde o início da década de 2010, cada edição é apresentada numa cerimónia, que decorre normalmente numa cidade espanhola — apenas em 2018 Lisboa acolheu o evento.

“Com a organização de um evento próprio em Portugal, a revelação da seleção de restaurantes e a consequente implementação de conteúdos editoriais e de comunicação, que serão partilhados nas nossas diferentes plataformas, queremos contribuir para a promoção de Portugal como destino gastronómico europeu incontornável”, referiu o guia, em comunicado.

O Guia Michelin divulga hoje à noite quais são os restaurantes de Portugal e Espanha distinguidos na edição de 2023, que a publicação promete ser “histórica” para a gastronomia portuguesa.

Portugal tem atualmente sete restaurantes com duas estrelas Michelin (“cozinha excelente, vale a pena o desvio”) e 26 com uma estrela (“cozinha de grande nível, compensa parar”), e não conta nenhum restaurante com a classificação máxima (três estrelas, “uma cozinha única, justifica a viagem”).

*** A agência Lusa viajou a convite do Guia Michelin ***

JH // VAM

By Impala News / Lusa

Impala Instagram


RELACIONADOS