Porto de Maputo manuseou valor recorde de carga em 2019

O porto de Maputo manuseou um valor recorde de 21 milhões de toneladas de carga em 2019, número que representa um crescimento de cerca de 8% face a 2018, anunciou o Ministério dos Transportes e Comunicações em comunicado.

Porto de Maputo manuseou valor recorde de carga em 2019

Porto de Maputo manuseou valor recorde de carga em 2019

O porto de Maputo manuseou um valor recorde de 21 milhões de toneladas de carga em 2019, número que representa um crescimento de cerca de 8% face a 2018, anunciou o Ministério dos Transportes e Comunicações em comunicado.

O porto contribui com mais de 40% da carga manuseada pelo país que serve de entreposto para os países vizinhos da África Austral, nomeadamente a África do Sul, a cerca de 100 quilómetros da capital moçambicana.

O crescimento está alinhado com as metas traçadas pelo Governo: o objetivo é fazer crescer a carga manuseada dos atuais 48 milhões de toneladas para 82 milhões de toneladas até 2024.

Ao mesmo tempo, assiste-se a uma transição do transporte rodoviário para ferroviário nas ligações ao porto, com redução de congestionamentos na Estrada Nacional 4 (EN4) que liga Maputo a Ressano Garcia, principal fronteira com a África do Sul.

Está ainda em curso a ampliação e modernização de vários cais para aumentar a capacidade de armazenamento em mais três milhões de toneladas por ano, a par de dragagens para aumentar a profundidade do porto.

O comunicado faz referência a 2019 e não aborda eventuais impactos da pandemia de covid-19, este ano.

Moçambique regista um total acumulado de 10.537 casos de covid-19, com 73 óbitos 8.214 recuperados.

LFO // PTA

By Impala News / Lusa

Impala Instagram


RELACIONADOS