Moody’s sobe ‘rating’ da CGD para grau de investimento

A agência de notação financeira Moody’s subiu hoje o ‘rating’ da dívida sénior de longo prazo da Caixa Geral de Depósitos (CGD) para Baa3, grau de investimento.

Moody's sobe 'rating' da CGD para grau de investimento

Moody’s sobe ‘rating’ da CGD para grau de investimento

A agência de notação financeira Moody’s subiu hoje o ‘rating’ da dívida sénior de longo prazo da Caixa Geral de Depósitos (CGD) para Baa3, grau de investimento.

Lisboa, 13 jul 2021 (Lusa) – A agência de notação financeira Moody’s subiu hoje o ‘rating’ da dívida sénior de longo prazo da Caixa Geral de Depósitos (CGD) para Baa3, grau de investimento, anunciou o banco público.

“A Moody’s Investor Service subiu em um nível o ‘rating’ [avaliação] de dívida sénior de longo prazo da CGD de Ba1 para Baa3 e da dívida sénior de curto-prazo, incluindo Comercial Paper [papel comercial], de Not Prime para o nível P-3”, pode ler-se num comunicado hoje enviado ao mercado.

Quanto à perspetiva, mantém-se em estável, ao mesmo tempo que “o ‘rating’ de dívida sénior não preferencial de longo prazo da CGD subiu igualmente em um nível”, de Ba2 para Ba1.

No texto enviado à Comissão do Mercado de Valores Mobiliários (CMVM), a CGD realça que a elevação da classificação da dívida sénior “marca o regresso à categoria de investment grade [grau de investimento] pela Moody’s, após um período de dez anos, constituindo um importante marco na evolução e no posicionamento da Caixa no mercado”.

O banco público, liderado por Paulo Macedo, refere ainda que esta subida “ocorre na sequência de três subidas verificadas durante a implementação do Plano Estratégico 2017-2020, fruto do progressivo reforço da solidez, rentabilidade e qualidade dos ativos”.

“Com esta alteração a CGD é agora notada em nível de ‘investment grade’ [grau de investimento] por duas das principais agências internacionais”, refere o banco.

JE // MSF

By Impala News / Lusa

Impala Instagram


RELACIONADOS