Mercado automóvel cai 6,7% até maio com 71.895 novos veículos matriculados

O mercado automóvel em Portugal registou uma quebra de 6,7% nos primeiros cinco meses do ano, face ao período homólogo, com 71.895 novos veículos, segundo dados da ACAP — Associação Automóvel de Portugal hoje divulgados.

Mercado automóvel cai 6,7% até maio com 71.895 novos veículos matriculados

Mercado automóvel cai 6,7% até maio com 71.895 novos veículos matriculados

O mercado automóvel em Portugal registou uma quebra de 6,7% nos primeiros cinco meses do ano, face ao período homólogo, com 71.895 novos veículos, segundo dados da ACAP — Associação Automóvel de Portugal hoje divulgados.

Esta queda no mercado automóvel nos primeiros cinco meses do ano acentua-se para 40,6% quando se compara com igual período do ano de 2019, antes do impacto da pandemia de covid-19, refere a associação em comunicado.

No acumulado dos primeiros cinco meses do ano, contabilizaram-se 71.895 novos veículos.

Só em maio, foram registados 14.903 veículos, menos 44,1% do que em igual mês de 2019 e uma redução de 24,2% em comparação com o mesmo período de 2021.

Por tipologia, em maio, foram matriculados em Portugal 12.748 ligeiros de passageiros, uma descida de 43,9% comparativamente ao mesmo mês de 2019 e de 23,5% face a maio de 2021.

Entre janeiro e maio, as matrículas de veículos ligeiros de passageiros fixaram-se em 59.939 unidades, um recuo de 42%, relativamente ao período homólogo de 2019, enquanto, face a 2021, houve um retrocesso de 4,1%.

Neste período, “39,2% dos veículos ligeiros de passageiros matriculados novos eram movidos a outros tipos de energia, nomeadamente elétricos e híbridos. Em particular, verifica-se que 10% nos veículos ligeiros de passageiros novos eram elétricos”, adiantou.

Por sua vez, o mercado de ligeiros de mercadorias registou, em maio, uma queda de 53,2%, face ao mesmo período de 2019, para 1.623 unidades e uma perda de 37% em comparação com igual mês de 2021.

Em termos acumulados, este mercado somou 9.787 unidades, 36,2% abaixo do valor apurado no mesmo período de 2019 e uma queda de 21,8% em comparação com o mesmo período de 2021.

Já no que se refere ao mercado de veículos pesados, que inclui os de passageiros e de mercadorias, em maio, houve um aumento de 14,2%, em relação a 2019, com 532 veículos comercializados.

Em comparação com o mesmo mês de 2021, este mercado avançou 23,1%.

As matrículas desta categoria totalizaram, entre janeiro e maio, 2.169 unidades, uma perda de 5,9% face a 2019 e um ganho de 4,9% em comparação com 2021.

PE // JNM

By Impala News / Lusa

Impala Instagram


RELACIONADOS