Mark Bourke substitui António Ramalho no Novo Banco

Mark Bourke, até agora administrador financeiro do Novo Banco, foi escolhido para presidente executivo, substituindo António Ramalho, que renunciou ao cargo, anunciou hoje a instituição.

Mark Bourke substitui António Ramalho no Novo Banco

Mark Bourke substitui António Ramalho no Novo Banco

Mark Bourke, até agora administrador financeiro do Novo Banco, foi escolhido para presidente executivo, substituindo António Ramalho, que renunciou ao cargo, anunciou hoje a instituição.

Num comunicado enviado à Comissão do Mercado de Valores Mobiliários (CMVM), o Novo Banco acrescenta que Conselho Geral e de Supervisão (CGS) escolheu para administrador financeiro Leigh Bartlett, diretor executivo do Masthaven Bank desde 2020. Na nota, o banco explica que o CGS considerou Mark Bourke como o candidato ideal para substituir António Ramalho, que deixará o cargo em agosto, por, entre outras razões, ter “mais de 20 anos de experiência como administrador executivo (em funções de CEO e de CFO) em instituições financeiras reguladas”. O CGS aponta-lhe ainda “experiência e conhecimento significativo do mercado e sistema bancário português, adquiridos como CFO nos últimos três anos do novobanco” e “as competências e experiência necessárias para liderar o novobanco nesta próxima fase de desenvolvimento”.

José Luís Peixoto lança hoje livro com editora moçambicana
O escritor português José Luís Peixoto lança hoje em Maputo a sua primeira obra literária sob a chancela de uma editora moçambicana, anunciaram os promotores da iniciativa para assinalar o Dia Mundial da Língua Portuguesa (… continue a ler aqui)

Antes de se juntar ao Novo Banco, Mark Bourke foi administrador financeiro do Allied Irish Banks e membro da Equipa de Liderança do AIB, de 2014 a 2019. Começou a sua carreira na PwC em 1989 e, em 2000, juntou-se ao IFS Group como administrador financeiro, sendo promovido a CEO do grupo em 2006. O CGS salienta igualmente que a nomeação de um candidato interno “assegura continuidade e estabilidade, bem como o alinhamento com o plano estratégico de médio prazo recentemente aprovado”. O ainda presidente executivo, António Ramalho, tinha comunicado a 31 de março ao CGS a sua intenção de deixar, em agosto, as funções executivas que atualmente desempenha e apoiar o processo de transição para o seu sucessor.

Mark Bourke foi administrador financeiro do Allied Irish Banks e membro da Equipa de Liderança do AIB

Quanto a Leigh Bartlett, que será o novo administrador financeiro do Novo Banco, a instituição lembra que, depois de “um processo de pesquisa robusto”, o CGS concluiu que o responsável “é o candidato que melhor preenche os critérios exigidos”. O CGS salientou ainda o facto de o novobanco “ter conseguido atrair e contratar um CFO de elevado renome, com o seu conhecimento, perícia e experiência de mais de 15 anos na indústria de serviços financeiros, demonstrando o progresso significativo que o novobanco tem efetuado nos últimos anos”, refere a nota. Segundo comunicado do Novo Banco, a administração será ainda composta por Luís Ribeiro, Andrés Baltar, Luísa Soares da Silva, Carlos Brandão e Rui Fontes. A informação sobre a nova administração do banco foi submetida ao Banco de Portugal e ao Banco Central Europeu para aprovação, refere a nota.

Impala Instagram


RELACIONADOS