Manufatura da China recupera após levantamento de medidas de prevenção epidémica

A atividade manufatureira da China registou uma ligeira recuperação em maio, à medida que foram levantadas algumas das medidas de prevenção epidémica, que resultaram no bloqueio de Xangai e outros centros industriais.

Manufatura da China recupera após levantamento de medidas de prevenção epidémica

Manufatura da China recupera após levantamento de medidas de prevenção epidémica

A atividade manufatureira da China registou uma ligeira recuperação em maio, à medida que foram levantadas algumas das medidas de prevenção epidémica, que resultaram no bloqueio de Xangai e outros centros industriais.

Segundo o Gabinete Nacional de Estatísticas da China, o índice de Gestores de Compras, um dos principais indicadores para o setor manufatureiro, fixou-se nos 49,6 pontos, depois de se ter fixado nos 47,4 pontos, em abril, numa escala de 100 pontos. Neste indicador, uma marca acima dos 50 pontos implica expansão e, abaixo, uma contração.

Mais empresas em Xangai, a “capital” financeira da China, estão a ser autorizadas a reabrir esta semana, depois de as autoridades terem considerado que a situação epidémica na cidade está sob controlo.

Outros centros industriais, incluindo Shenzhen, no sul, e Changchun, no nordeste, também retomaram a produção e o comércio em maio, depois de terem estado sob bloqueio nos meses anteriores.

Os dados indicam que a “atividade começou a recuperar à medida que as medidas de contenção foram revertidas”, disse Sheana Yue, analista da consultora Capital Economics, num relatório.

“A recuperação provavelmente vai permanecer lenta, face à fraca procura externa e tensões no mercado de trabalho”, acrescentou.

JPI // SB

By Impala News / Lusa

Impala Instagram


RELACIONADOS