Gasolina mais cara e gasóleo mais barato em Portugal face à média da UE no 3.º trimestre

O preço médio de venda da gasolina simples em Portugal foi no terceiro trimestre superior em 4,3 cêntimos por litro aos valores médios na UE27, enquanto no gasóleo simples foi inferior em 2,6 cêntimos, segundos dados da ERSE.

Gasolina mais cara e gasóleo mais barato em Portugal face à média da UE no 3.º trimestre

Gasolina mais cara e gasóleo mais barato em Portugal face à média da UE no 3.º trimestre

O preço médio de venda da gasolina simples em Portugal foi no terceiro trimestre superior em 4,3 cêntimos por litro aos valores médios na UE27, enquanto no gasóleo simples foi inferior em 2,6 cêntimos, segundos dados da ERSE.

De acordo com o boletim de preços da UE-27 (União Europeia a 27) relativo aos combustíveis, divulgado hoje pela Entidade Reguladora dos Serviços Energéticos (ERSE), na gasolina 95 simples, “no terceiro trimestre de 2022 Portugal apresentou um preço médio de venda [PMV] e um preço médio antes de impostos superiores aos valores médios verificados na UE-27, na ordem dos 4,3 cent/l [cêntimos por litro] em ambos os casos”.

“A carga fiscal no preço médio de venda da gasolina 95 simples foi, em Portugal, no terceiro trimestre, da ordem dos 44%, inferior à média registada na UE-27 (44,6%) e superior à da Bélgica (43,3%), à da Alemanha (36,3%) e à de Espanha (42,8%)”, precisa. Segundo refere, “a redução da carga fiscal aplicada em Portugal contribuiu para a prática de preços médios de venda deste combustível, no mercado nacional, inferiores aos preços médios praticados em Espanha em cerca de 3,7 cent/l”.

Ainda assim, “os PMV nacionais são mais altos do que a média UE-27, situando-se na 13.ª posição dos países com preços mais altos”, correspondendo o preço praticado “a uma diferença de 56,0 cent/l e 34,1 cent/l, face ao país com os preços mais baixos e ao país com os preços mais altos, respetivamente”.

Entre oito países analisados em maior detalhe — Itália, Espanha, Portugal, Grécia, Bélgica, França, Alemanha e Holanda — “a Bélgica apresentou o preço médio de venda mais baixo, cerca de 3,4 cent/l inferior ao preço médio praticado em Portugal. Desconsiderando o efeito fiscal, o preço médio deste combustível no mercado nacional foi superior em cerca de um cent/l aos valores praticados na Bélgica”, nota a ERSE.

Já no que respeita ao gasóleo simples, “no terceiro trimestre de 2022, Portugal apresentou preços médios com impostos inferiores em 2,6 cent/l e sem impostos superior em 0,7 cent/l aos valores médios verificados na UE-27, respetivamente”. “Portugal apresentou uma carga fiscal no preço médio do gasóleo simples na ordem dos 37%, no trimestre em análise, valor inferior à média registada na UE-27 (38%), à França (50%), à Grécia (42%) e à Bélgica (40%), porém, superior à registada na Alemanha (33%)”, detalha a ERSE.

De acordo com o regulador, “a redução da carga fiscal aplicada em Portugal contribuiu para a prática de preços médios de venda deste combustível, no mercado nacional, inferiores aos preços médios praticados em Espanha em cerca de quatro cent/l”. No terceiro trimestre, Portugal situou-se na oitava posição dos países que vendem gasóleo simples mais barato na UE-27, sendo que o preço praticado correspondeu a uma diferença de 62,2 cent/l e 48,9 cent/l face ao país com os preços mais baixos e ao país com os preços mais altos, respetivamente.

“De entre os oito países analisados em maior detalhe, Portugal apresentou o preço médio com impostos mais baixo, cerca de 7,3 cent/l inferior ao preço médio praticado em Espanha. Desconsiderando o efeito fiscal, o preço médio nacional deste combustível esteve 3,9 cent/l abaixo dos valores reportados em Espanha”, precisa a ERSE. No que se refere à gasolina 95 simples, o preço médio de venda sem impostos na UE-27 diminuiu 5,0 cent/l do segundo para o terceiro trimestre de 2022, tendo Portugal praticado um PMV sem impostos 4,0 cent/l inferior ao de Espanha.

Segundo se lê no boletim do regulador, “embora Portugal apresente uma maior carga fiscal (44%) no contexto da Península Ibérica, o PMV português foi cerca de 3,9 cent/l inferior ao de Espanha”. Já no que se refere ao gasóleo simples, o PMV sem impostos na UE-27 7 aumentou 0,7 cent/l do segundo para o terceiro trimestre de 2022, sendo que, “sem impostos, os preços médios nacionais são 3,9 cent/l inferiores aos do país vizinho”.

A ERSE nota que “o peso fiscal em Portugal (37%) foi idêntico ao espanhol (37%), o que justificou a prática de PMV inferiores no país” face a Espanha. Por fim, em relação ao gás de petróleo liquefeito para automóveis (GPL Auto), de julho a setembro “os preços nacionais, com e sem impostos, foram mais baixos do que os praticados em Espanha”.

Segundo a ERSE, “comparado com o valor médio da UE-27, o PMV nacional foi 5,3 cent/l superior, contudo, excluindo impostos, os preços nacionais situaram-se 3,9 cent/l abaixo da média europeia”.

Impala Instagram


RELACIONADOS