G20 apoia reforma da OMC e comércio mundial mais transparente

Os ministros do Comércio do G20 reunidos em Sorrento (Itália) concordaram hoje na necessidade de realizar uma reforma da Organização Mundial do Comércio (OMC) e de reforçar e promover o intercâmbio comercial global com transparência.

G20 apoia reforma da OMC e comércio mundial mais transparente

G20 apoia reforma da OMC e comércio mundial mais transparente

Os ministros do Comércio do G20 reunidos em Sorrento (Itália) concordaram hoje na necessidade de realizar uma reforma da Organização Mundial do Comércio (OMC) e de reforçar e promover o intercâmbio comercial global com transparência.

“Estamos empenhados em trabalhar ativa e construtivamente com todos os membros da OMC para empreender a reforma necessária da organização e enfatizamos a necessidade de implementar esse compromisso através de uma abordagem inclusiva e transparente”, afirmaram os ministros na declaração final da reunião, citada pela agência Efe.

A reunião começou na segunda-feira, mas os principais debates tiveram lugar hoje, com sessões em que foi debatida a necessidade de “tornar a OMC totalmente operacional”, afirmou o ministro dos Negócios Estrangeiros italiano, Luigi Di Maio, anfitrião do evento, em conferência de imprensa.

“Reconheçamos que existe uma crise na resolução de disputas comerciais mundiais, com o órgão de recurso bloqueado”, uma posição que foi iniciada com o ex-presidente norte-americano Donald Trump e que se mantém, afirmou Di Maio.

O ministro italiano também explicou que foi debatido o papel que o comércio deve ter na recuperação global, após a pandemia, para que seja mais sustentável, inclusivo e resiliente e considerou que será essencial fortalecer um sistema multilateral baseado em regras, não discriminatório e transparente.

Nesse sentido, os países do G20 consideraram que é prioritário dar mais apoio às pequenas e médias empresas e às microempresas para que sejam protagonistas no comércio mundial e contribuam para a igualdade de género e para uma economia mais sustentável.

EO // JNM

By Impala News / Lusa

Impala Instagram


RELACIONADOS