Covid-19: “Não há necessidade de agir do ponto de vista da política monetária” — Bundesbank

O presidente do Bundesbank, o banco central alemão que hoje apresentou lucros de 5.850 milhões de euros em 2019, disse hoje não acreditar que haja necessidade de agir do ponto de vista da política monetária devido ao coronavírus.

Covid-19:

Covid-19: “Não há necessidade de agir do ponto de vista da política monetária” — Bundesbank

O presidente do Bundesbank, o banco central alemão que hoje apresentou lucros de 5.850 milhões de euros em 2019, disse hoje não acreditar que haja necessidade de agir do ponto de vista da política monetária devido ao coronavírus.

De acordo com a agência espanhola EFE, na conferência de imprensa para apresentar os resultados de 2019 da entidade, Weidmann disse que o coronavírus é um risco mais a curto prazo para a economia alemã e que, para já, é difícil calcular a dimensão do efeito económico que o coronavírus terá.

O presidente da entidade bancária considerou também que ainda há incerteza no comércio internacional e na economia alemã (que no ano passado cresceu 0,6%), apesar do acordo comercial inicial entre os Estados Unidos e a China.

Em relação aos resultados, o Bundesbank obteve, em 2019, um lucro de 5.850 milhões de euros, valor máximo desde 2008 para as menores provisões para riscos (2.400 milhões de euros em 2018), que serão direcionados ao Ministério das Finanças.

O Ministério das Finanças geralmente calcula um lucro do Bundesbank de 2.500 milhões de euros no orçamento, tudo o que excede esse valor serve para reduzir a dívida.

O Bundesbank obtém lucros todos os anos desde a introdução do euro, em 1999.

MPE // MSF

By Impala News / Lusa

Impala Instagram


RELACIONADOS