Caminho de ferro de Luanda retoma serviço depois de 20 meses de interrupção

O Caminho de Ferro de Luanda (CFL) retomou hoje o serviço de trasporte de passageiros para as províncias do Cuanza Norte e Malanje depois de uma interrupção de 20 meses devido à pandemia de covid-19.

Caminho de ferro de Luanda retoma serviço depois de 20 meses de interrupção

Caminho de ferro de Luanda retoma serviço depois de 20 meses de interrupção

O Caminho de Ferro de Luanda (CFL) retomou hoje o serviço de trasporte de passageiros para as províncias do Cuanza Norte e Malanje depois de uma interrupção de 20 meses devido à pandemia de covid-19.

Segundo uma nota de imprensa do CFL, o serviço reiniciou-se hoje com composição mista composta por cinco carruagens, com 260 lugares sentados e seis vagões para carga, que partiu às 6:20 da estação dos Musseques em Luanda, com destino a estação do Luinha na província do Cuanza Norte.

Na sexta-feira, dia 05 de novembro será reposto o transporte de passageiros para as cidades de N’dalatando (capital do Cuanza Norte) e Malanje (capital de Malanje), com um comboio que partirá às 6 horas da estação dos Musseques em Luanda com destino à estação de Malange com regresso aos sábados. 

No sábado, dia 06 de novembro será retomado o transporte de passageiros para a cidade do Dondo (Cuanza Norte), com um comboio que partirá às 6:00 dos Musseques com regresso mesmo dia.   

Estes serviços terão uma periodicidade semanal com dias fixos. 

Na malha suburbana foi também restituído o serviço diário de passageiros para Catete. 

O uso permanente e correto da máscara facial é obrigatório para permanência nas estações e nos comboios. 

RCR // MAG

By Impala News / Lusa

Impala Instagram


RELACIONADOS