Bolsas europeias em alta animadas com possível descida dos juros nos Estados Unidos

As principais bolsas europeias estavam hoje em alta, animadas com a mensagem da Reserva Federal norte-americana (Fed), segundo a qual as taxas de juro poderiam descer no final deste mês.

Bolsas europeias em alta animadas com possível descida dos juros nos Estados Unidos

Bolsas europeias em alta animadas com possível descida dos juros nos Estados Unidos

As principais bolsas europeias estavam hoje em alta, animadas com a mensagem da Reserva Federal norte-americana (Fed), segundo a qual as taxas de juro poderiam descer no final deste mês.

Cerca das 09:05 em Lisboa, o EuroStoxx 600 subia 0,30% para 388,32 pontos.

As bolsas de Londres, Paris, Frankfurt subiam 0,28%, 0,34% e 0,14%, bem como as de Madrid e Milão, que avançavam 0,36% e 0,66%, respetivamente.

Depois de ter aberto em alta, a bolsa de Lisboa mantinha a tendência e cerca das 09:05 o principal índice, o PSI20, subia 0,62% para 5.184,96 pontos.

Os mercados europeus estavam hoje contagiados com os máximos registados na quarta-feira em Wall Street depois do presidente da Fed, Jerome Powell, ter alertado para piores perspetivas económicas nos Estados Unidos devido às “tensões comerciais” e à “debilidade global”, numa clara referência da possibilidade de um corte das taxas de juro no final do mês.

Se finalmente a Fed descer as taxas de juro esta será a primeira vez desde 2008.

O presidente da Fed, Jerome Powell, compareceu na quarta-feira na comissão de serviços financeiros da Câmara de Representantes, onde apresentou o relatório semestral de política monetária.

Na quarta-feira, a bolsa de Wall Street terminou em alta, com o Dow Jones a subir 0,29% para 26.860,20 pontos, contra o atual máximo desde que foi criado, em 1896, de 26.966,00 pontos, em 03 de julho.

No mesmo sentido, o Nasdaq fechou a subir 0,75% para 8.202,53 pontos, novo máximo de sempre.

A nível cambial, o euro abriu hoje em alta, a cotar-se a 1,1269 dólares, contra 1,1259 euros na quarta-feira.

O barril de petróleo Brent para entrega em setembro abriu hoje em baixa, a cotar-se a 66,81 dólares no Intercontinental Exchange Futures (ICE) de Londres, mais 0,20 dólares do que no fim da sessão anterior.

O barril de petróleo Brent esteve acima dos 85 dólares no início de outubro.

MC // SB

By Impala News / Lusa

Impala Instagram


RELACIONADOS