Bolsa de Tóquio fecha em queda de 2,84%

A bolsa de Tóquio registou hoje uma queda de 2,84%, perante a possibilidade de o Governo estender o estado de alerta sanitário, declarado no país até meados da próxima semana.

Bolsa de Tóquio fecha em queda de 2,84%

Bolsa de Tóquio fecha em queda de 2,84%

A bolsa de Tóquio registou hoje uma queda de 2,84%, perante a possibilidade de o Governo estender o estado de alerta sanitário, declarado no país até meados da próxima semana.

  O Nikkei, que agrupa os 225 títulos mais representativos do mercado, perdeu hoje 574,34 pontos e terminou em 19.619,35.

O Topix, que inclui as empresas com maior capitalização, subiu 2,24%, ou 32,77 pontos, para 1.431,26 unidades.

Desta forma, o Nikkei apagou os ganhos da véspera e voltou a situar-se abaixo da barreira psicológica dos 20.000 pontos, pouco antes do período de férias conhecido como “Golden Week” no Japão, que se prolongará até ao dia 06 de maio, e durante o qual a bolsa estará fechada.

As vendas foram impostas aos investidores devido à retirada de lucros antes do feriado e tendo em vista as perspetivas de que o Governo japonês anunciará em breve a extensão do estado de alerta sanitário, declarado devido à pandemia de covid-19.

Sob o estado de alerta, as autoridades recomendaram aos cidadãos que não saiam de casa, a aplicação do teletrabalho e o fecho de todos os estabelecimentos comerciais que não vendam bens essenciais, entre outras medidas que estão a causar um grande impacto na terceira economia mundial.

Os setores que registaram as maiores quedas em Tóquio foram os de transporte marítimo, companhias de seguros e de aço e de metal.

Entre as ações com maior capitalização, destacam-se o declínio de 0,53% do grupo de tecnologia Softbank e a queda de 2,58% do líder do setor automóvel japonês, a Toyota Motor.

 

RCS // VM

By Impala News / Lusa

Impala Instagram


RELACIONADOS