Associação moçambicana lança programa para apoiar certificação de PME

A Associação de Comércio, Indústria e Serviços (ACIS) de Moçambique lançou hoje um programa de capacitação de pequenas e médias empresas (PME) do país para as ajudar nos processos de certificação.

Associação moçambicana lança programa para apoiar certificação de PME

Associação moçambicana lança programa para apoiar certificação de PME

A Associação de Comércio, Indústria e Serviços (ACIS) de Moçambique lançou hoje um programa de capacitação de pequenas e médias empresas (PME) do país para as ajudar nos processos de certificação.

A iniciativa visa apoiar “a edificação de um setor empresarial mais produtivo e competitivo que contribua para o desenvolvimento socioeconómico do país”, disse Luís Magaço, presidente do conselho de gerência da ACIS em Maputo.

Aquele responsável falava na cerimónia de lançamento do programa nacional de capacitação e preparação das empresas para a certificação, designado por Qualificar, fruto de parceria entre a ACIS e a empresa de consultoria Insite.

“Este é um programa ajustado as condições específicas das empresas nacionais. Com o apoio dos nossos parceiros, queremos numa primeira fase, antes do fim do ano, iniciar a capacitação de 300 empresas, em todo o território nacional”, acrescentou.

A ação está “ajustada às condições específicas das empresas nacionais” e vai seguir “padrões internacionais relevantes”, considerados como estratégia e requisito para o desenvolvimento de competitividade e melhoria de desempenho.

“A certificação concedida por organismos acreditados e independentes é considerada uma ferramenta adequada para demonstrar a conformidade e capacidade de fornecimento das empresas locais mediante padrões internacionais”, acrescentou o dirigente.

A ACIS vai continuar a desenvolver outras ações de apoio às empresas, com destaque para advocacia na remoção de várias barreiras nocivas ao ambiente de negócios.

Por seu turno, Carlos Mesquita, ministro da Indústria e Comércio, referiu que a adoção da calibração e verificação de instrumentos de medição e certificação de produtos e serviços são “fator crucial” para a sobrevivência e competitividade das empresas.

“O processo pode assegurar a sua participação efetiva e sustentável na cadeia de fornecimento de bens e prestação de serviços no território nacional e em particular aos grandes projetos”, disse o governante. 

 

RYR (PMA) // PJA

Lusa/fim

By Impala News / Lusa

Impala Instagram


RELACIONADOS