Aeroporto de Luanda retoma normalidade após remoção de aeronave acidentada

Aeroporto de Luanda retoma normalidade após remoção de aeronave acidentada

A pista do aeroporto internacional de Luanda reabriu ao início da madrugada de hoje, após trabalhos de remoção da aeronave que na terça-feira aterrou de emergência no local, com problemas no trem.

Luanda, 04 abr (Lusa) – A pista do aeroporto internacional de Luanda reabriu ao início da madrugada de hoje, após trabalhos de remoção da aeronave que na terça-feira aterrou de emergência no local, com problemas no trem.


A informação foi confirmada hoje à Lusa por fonte da Empresa Nacional de Exploração de Aeroportos e Navegação Aérea, acrescentando que do incidente de terça-feira não resultaram feridos.


A aeronave em causa, que se imobilizou na pista sem trem de aterragem, transportava seis pessoas e estava ao serviço de uma operadora angolana.


A situação obrigou à intervenção dos bombeiros do Aeroporto Internacional 04 de Fevereiro, o único certificado para receber voos internacionais em Angola.


Após a remoção da aeronave, precisou a mesma fonte, realizou-se uma vistoria à pista, para atestar as condições de segurança da mesma.


A situação levou pelo menos dois voos da companhia aérea angolana TAAG, provenientes de Joanesburgo e Lisboa, a serem desviados para Kinshasa, capital da República Democrática do Congo (RDCongo), por impossibilidade de aterragem em Luanda.


Em concreto, a situação afetou o voo DT 651, que partiu do aeroporto de Lisboa depois das 11:00 de terça-feira e que chegou a Luanda às 18:00, acabando por não poder aterrar, sendo então desviado para a capital da RDCongo, onde aterrou cerca de 30 minutos depois.


Entretanto, fonte da TAAG contactada pela Lusa informou que o voo DT 651 aterrou às 01:00 de hoje no aeroporto de Luanda.



PVJ // VM

By Impala News / Lusa


RELACIONADOS

Aeroporto de Luanda retoma normalidade após remoção de aeronave acidentada

A pista do aeroporto internacional de Luanda reabriu ao início da madrugada de hoje, após trabalhos de remoção da aeronave que na terça-feira aterrou de emergência no local, com problemas no trem.