É por este motivo que os mosquitos picam mais umas pessoas do que outras

Muito provavelmente já reparou que existem pessoas mais susceptíveis às picadas de mosquitos.

É por este motivo que os mosquitos picam mais umas pessoas do que outras

É por este motivo que os mosquitos picam mais umas pessoas do que outras

Muito provavelmente já reparou que existem pessoas mais susceptíveis às picadas de mosquitos.

Muito provavelmente já reparou que existem pessoas mais susceptíveis às picadas de mosquitos. Que por um qualquer motivo que a ciência desconhece – ou desconhecia – os mosquitos têm tendência a picar determinado tipo de pessoas. Em jeito de brincadeira, na gíria, diz-se que estes insectos dão prioridades àqueles que têm o sangue mais doce. Este até é um argumento usado pelos mais velhos para desincentivar os mais novos a comerem doces. No entanto, não tem base científica.

Em 1972, as cientistas britânicas Corinne Wood e Caroline Dore foram as primeiras a lançar a hipótese de que os mosquitos teriam preferência por um tipo de sangue em específico. Em questão não estaria a quantidade de açúcar no sangue, mas sim o tipo sanguíneo. Segundo estas investigadoras, estes insetos tinham preferência por pessoas com sangue do tipo O.

Mosquitos dão preferência a pessoas que beberam cerveja

Nesta investigação, recorreram a pares de voluntários com tipos sanguíneos diferentes. E expuseram-nos a 20 mosquitos fêmeas (porque os machos não se alimentam de sangue). Notaram então que, regra geral, estes insetos picavam as pessoas de sangue tipo O.

Curiosamente, já em 2004, um estudo japonês comprovou a teoria de Corinne Wood e Caroline Dore e adicionou-lhe um novo dado: afinal de contas, os mosquitos dão mesmo preferência ao sangue doce. Segundo este documento, publicado no Journal of Medical Entomology, estes insetos preferem picar as pessoas que libertam mais sacarídeos (açúcar) através da pele.

Dois anos antes, em 2002, um estudo igualmente japonês chegou à conclusão que a ingestão de cerveja pode tornar o sangue mais apetecível aos mosquitos. Falharam, no entanto, na procura por uma justificação para esta curiosa preferência demonstrada pelos insetos.

Impala Instagram


RELACIONADOS