Estrato social familiar tem influência no desenvolvimento da criança?

Sabia que o desenvolvimento cerebral do seu filho pode ser influenciado pelo estrato social em que os pais se encontram?

Estrato social familiar tem influência no desenvolvimento da criança?

Estrato social familiar tem influência no desenvolvimento da criança?

Sabia que o desenvolvimento cerebral do seu filho pode ser influenciado pelo estrato social em que os pais se encontram?

Um novo estudo, levado a cabo pelo Instituto Nacional de Saúde Mental dos Estados Unidos, revela que o estatuto socioeconómico familiar tem impacto no desenvolvimento cerebral das crianças. O mesmo estudo revela que o crescimento cognitivo do cérebro dos filhos é afectado de forma prejudicial se o estrato social em que os seus pais se encontrem for considerado baixo.

LEIA DEPOIS
Assaltante passa dois dias preso numa conduta cheia de gordura

Filhos de pais com empregos não manuais têm maior desenvolvimento cerebral

Com recurso a exames realizados em centenas de jovens, os investigadores conseguiram estabelecer um paralelo entre o maior desenvolvimento das áreas cerebrais responsáveis pela aprendizagem, emoções e linguagem e as profissões dos pais. No caso dos pais com empregos não manuais, os filhos têm, ao longo da infância e adolescência, maior desenvolvimento cerebral. O tálamo, região situada no córtex cerebral dos seres humanos, é responsável pela transmissão e processamento da informação sensorial e ligado a um maior quociente de inteligência. Esta zona do cérebro é mais volumosa em crianças cujos pais pertençam a um estrato social mais elevado.

Ambiente e estrato socioeconómico influi no crescimento da criança

Cassidy McDermott, membro da Unidade de Desenvolvimento Neurogenético e principal investigadora do estudo, afirma que «o desenvolvimento cognitivo acontece no contexto das experiências e do ambiente de cada criança e esses variam significativamente em função do estrato socioeconómico». McDermott e o colega Armin Raznahan afirmam que esta investigação é «um caminho» que correlaciona «a vivência da criança e o ambiente em que se insere, a sua anatomia e os conhecimentos que adquire durante o estágio da infância e na adolescência».

LEIA MAIS
Tribunal sugere que violador ‘exerça’ paternidade contra vontade da vítima
Português testa malagueta mais picante do mundo e o resultado foi este [vídeo]

Impala Instagram


RELACIONADOS