Denúncia de maus-tratos leva GNR a interromper velório e levar caixão

Quem atendia ao velório de Cecília Marcelo, uma mulher, de cerca de 80 anos, em Vilar do Monte, Macedo de Cavaleiros, foi surpreendido pela GNR, que levou o cadáver após uma denúncia de familiares por alegados maus-tratos.

Denúncia de maus-tratos leva GNR a interromper velório e levar caixão

Denúncia de maus-tratos leva GNR a interromper velório e levar caixão

Quem atendia ao velório de Cecília Marcelo, uma mulher, de cerca de 80 anos, em Vilar do Monte, Macedo de Cavaleiros, foi surpreendido pela GNR, que levou o cadáver após uma denúncia de familiares por alegados maus-tratos.

Quem atendia ao funeral de Cecília Marcelo, uma mulher, de cerca de 80 anos, em Vilar do Monte, Macedo de Cavaleiros, foi surpreendido pela GNR, que levou o cadáver após uma denúncia de familiares por alegados maus-tratos. Tal aconteceu por ordem do Ministério Público, sendo o corpo levado da casa mortuária de Vilar do Monte para o Instituto de Medicina Legal de Bragança, para ser autopsiado.

LEIA MAIS Tragédia do Meco: Dux e Lusófona absolvidos de indemnização

Segundo o JN, familiares da idosa emigrados fizeram queixa à GNR relacionada com alegados maus-tratos. A idosa vivia com uma filha na localidade.

Impala Instagram


RELACIONADOS