Trump abre refúgio de vida selvagem no Alasca à indústria petrolífera

O Governo do Presidente dos Estados Unidos, Donald Trump, anunciou hoje a abertura de um processo para outorgar concessões de petróleo e gás no refúgio ártico do Estado do Alasca, apesar de abandonar a Presidência em janeiro.

Trump abre refúgio de vida selvagem no Alasca à indústria petrolífera

Trump abre refúgio de vida selvagem no Alasca à indústria petrolífera

O Governo do Presidente dos Estados Unidos, Donald Trump, anunciou hoje a abertura de um processo para outorgar concessões de petróleo e gás no refúgio ártico do Estado do Alasca, apesar de abandonar a Presidência em janeiro.

A concessão de licenças está programada para acontecer um pouco antes de 20 de janeiro, data em que Trump entrega o poder ao democrata Joe Biden, vencedor das eleições presidências, que se opôs à abertura do Refúgio Nacional da Vida Selvagem do Ártico, no Alasca, à exploração de petróleo.

Através do Registo Federal, o Escritório de Administração de Terras pediu às empresas para identificarem os lugares de interesse para a prospeção e possível exploração de hidrocarbonetos nos cerca de 6.000 quilómetros quadrados do refúgio, ao largo da costa do oceano glaciar Ártico.

Em agosto, a Administração de Trump anunciou a aprovação de um plano para abrir o Refúgio Nacional de Vida Selvagem do Ártico para a prospeção e exploração de petróleo, apesar da oposição de organizações ambientais.

Embora o Congresso tenha designado a faixa costeira da reserva no nordeste do Alasca para potencial exploração de petróleo em 1980, o Refúgio do Ártico está fora dos limites para perfuração, apesar dos esforços de quatro décadas dos republicanos para abri-lo às empresas petrolíferas.

O referido plano previa que a primeira licitação de concessões acontecesse a 22 de dezembro de 2021, pelo que o anúncio do Governo significa acelerar esse processo antes de entregar o poder à equipa de Biden, que se opõe ao projeto.

O refúgio de vida selvagem é o habitat de espécies como os ursos polares ou as renas.

AXYG // EL

By Impala News / Lusa

Impala Instagram


RELACIONADOS