Suspeito da morte de Maddie disse saber tudo o que aconteceu numa “noite de copos”

O cidadão alemão Christian B., de 43 anos, está detido na Alemanha, por abuso sexual de menores, entre outros crimes e, segundo a polícia britânica e alemã, é suspeito de envolvimento no desaparecimento de Madeleine McCann, no Algarve, em 2007.

Suspeito da morte de Maddie disse saber tudo o que aconteceu numa “noite de copos”

Suspeito da morte de Maddie disse saber tudo o que aconteceu numa “noite de copos”

O cidadão alemão Christian B., de 43 anos, está detido na Alemanha, por abuso sexual de menores, entre outros crimes e, segundo a polícia britânica e alemã, é suspeito de envolvimento no desaparecimento de Madeleine McCann, no Algarve, em 2007.

Terá sido numa noite de copos, em 2017, num bar de Brunsvique, Alemanha, que Christian se ‘descaiu’, dizendo que sabia o que aconteceu a Maddie.

O canal televisivo ZDF passava um programa sobre o 10º aniversário do caso Madeleine McCann e o homem agora preso, alcoolizado, disse para uma amigo com quem estava: “sei tudo sobre o que se passou com a Maddie!”. De seguida, ter-lhe-á mostrado dois vídeos sexuais, de violações.

O amigo denunciou o que vira e Brueckner passou a ser investigado. viria a ser detido mais tarde pela violação de uma turista norte-americana na praia da Luz, em 2005.

Passou também a ser suspeito no caso de Maddie. O que foi descoberto leva a polícia e a procuradoria alemãs a anunciar que Maddie foi assassinada. “Acreditamos que Madeleine McCann está morta e apelamos a testemunhas”, disseram ontem

O cidadão alemão Christian B., de 43 anos, está detido na Alemanha, por abuso sexual de menores, entre outros crimes e, segundo a polícia britânica e alemã, é suspeito de envolvimento no desaparecimento de Madeleine McCann, no Algarve, em 2007.

Homem terá vivido no Algarve

O homem terá vivido no Algarve entre 1995 e 2007 e registos telefónicos colocam-no na área da Praia da Luz no dia em a criança inglesa desapareceu.

O Ministério Público de Braunschweig, na Alemanha, assumiu hoje que Maddie está morta.

Madeleine McCann desapareceu poucos dias antes de fazer quatro anos, a 03 de maio de 2007, do quarto onde dormia juntamente com os dois irmãos gémeos, mais novos, num apartamento de um aldeamento turístico, na Praia da Luz e o seu desaparecimento tornou-se um caso mediático à escala global.

A polícia britânica começou por formar uma equipa em 2011 para rever toda a informação disponível, abrindo um inquérito formal no ano seguinte, tendo até agora gasto perto de 12 milhões de libras (14 milhões de euros).

A Polícia Judiciária (PJ) reabriu a investigação em 2013, depois de o caso ter sido arquivado pela Procuradoria Geral da República em 2008, ilibando os três arguidos, os pais de Madeleine, Kate e Gerry McCann, e um outro britânico, Robert Murat.

Impala Instagram


RELACIONADOS