Limite de seis mil pessoas marca peregrinação em Fátima

Para evitar um número elevado de pessoas, a DGS e o Santuário de Fátima reforçaram o plano de contingência do recinto de oração, criando medidas adicionais para esta peregrinação.

Limite de seis mil pessoas marca peregrinação em Fátima

Limite de seis mil pessoas marca peregrinação em Fátima

Para evitar um número elevado de pessoas, a DGS e o Santuário de Fátima reforçaram o plano de contingência do recinto de oração, criando medidas adicionais para esta peregrinação.

O limite de cerca de seis mil pessoas nos 48 mil metros quadrados do recinto de oração do Santuário de Fátima, imposto devido à pandemia da covid-19, marca as celebrações da Peregrinação Internacional Aniversária que hoje (12) tem início. Para evitar um número elevado de pessoas, a Direção-Geral da Saúde e o Santuário de Fátima reforçaram o plano de contingência do recinto de oração, criando um conjunto de medidas adicionais para esta peregrinação, que será presidida pelo bispo de Setúbal e presidente da Conferência Episcopal Portuguesa, José Ornelas.

LEIA AINDA

Governo agrava previsões e procura turística por Cabo Verde recua 15 anos

O controlo e monitorização dos acessos através de oito entradas, a delimitação dos espaços (com perímetros de segurança e marcações no solo), o reforço da sinalética e a limitação das deslocações dentro do recinto foram algumas das medidas adotadas. No dia 13 de setembro, o acesso ao Santuário de Fátima foi bloqueado quando o local atingiu a lotação máxima permitida no contexto da pandemia da covid-19. A GNR anunciou que vai realizar uma operação policial em Fátima para garantir a segurança, controlo do tráfego rodoviário e cumprimento das normas sanitárias devido à covid-19.

Segundo a GNR, ao abrigo das normas em vigor e para garantir um fluxo controlado de peregrinos, o acesso aos parques de estacionamento estará fortemente condicionado à lotação máxima no interior do recinto e estão proibidas as concentrações e aglomerações de pessoas no seu exterior. “Não corram o risco de vir a Fátima [nestes dias], podendo não conseguir entrar no recinto do santuário. Pedimos que se associem a nós, que façam a peregrinação pelo coração, através dos meios virtuais, que o santuário disponibiliza diariamente”, apelou o reitor do Santuário de Fátima, Carlos Cabecinhas, na semana passada. As peregrinações de maio e de outubro são as que costumam reunir maior número de peregrinos no santuário. A Peregrinação Internacional Aniversária de outubro celebra a sexta aparição de Nossa Senhora aos pastorinhos, na Cova da Iria, em 1917.

By Impala News / Lusa

Impala Instagram


RELACIONADOS