Queima de Évora com David Carreira, The Black Mamba e Os Quatro e Meia no cartaz

David Carreira, The Black Mamba e Os Quatro e Meia são os destaques do cartaz da edição deste ano da Queima das Fitas de Évora, que se realiza entre os dias 24 deste mês e 02 de junho.

Queima de Évora com David Carreira, The Black Mamba e Os Quatro e Meia no cartaz

Queima de Évora com David Carreira, The Black Mamba e Os Quatro e Meia no cartaz

David Carreira, The Black Mamba e Os Quatro e Meia são os destaques do cartaz da edição deste ano da Queima das Fitas de Évora, que se realiza entre os dias 24 deste mês e 02 de junho.

Organizada pela Associação Académica da Universidade de Évora (AAUE), a festa dos estudantes da cidade alentejana, cujo programa foi hoje divulgado, vai decorrer no campo de futebol do Colégio do Espírito Santo, o principal edifício da academia.

Os Quatro e Meia e Dillaz (dia 24), Profjam e Deejay Telio (25), Miguel Azevedo (26), Quim Barreiros (27), Noite de Tunas (28), Insert Coin e No Maka (29), The Black Mamba e Supa Squad (30), Wet Bed Gang (31) e Átoa e David Carreira (dia 01 de junho) são os principais nomes do cartaz musical.

A presidente da AAUE, Ana Rita Silva, revelou hoje à agência Lusa que este ano não haverá palco secundário e que todos os concertos vão realizar-se no principal, adiantando que o Jardim do Granito, onde habitualmente era instalado um palco, será um espaço de comidas e descanso.

Segundo a dirigente estudantil, outra das novidades da edição 2019 da queima será a utilização de ecocopos (copos reutilizáveis) em substituição dos habituais descartáveis.

“O público terá quatro pontos para comprar um ecocopo, que custa um euro, e, no final da noite, se quiser e o ecocopo estiver inteiro, pode devolvê-lo e receber o euro de volta”, explicou.

Um dos pontos altos da festa dos estudantes, o cortejo académico, que nos últimos anos se realizou no primeiro domingo, passa este ano para o derradeiro dia da Queima das Fitas, a 02 de junho, por causa das Eleições Europeias, marcadas para o dia 26 deste mês.

O lucro da bilheteira no dia 26, indicou a presidente da AAUE, vai reverter para uma instituição de cariz social da cidade, podendo o público escolher a beneficiária no ‘stand’ da associação na queima.

Ana Rita Silva referiu que a redução do horário adotada no ano passado mantém-se nesta edição, prevendo que em algumas noites o som termine às 04:00 e outras às 02:00, com o recinto a ficar aberto até às 06:00 e às 03:00, respetivamente.

Tal como em anos anteriores, realizam-se a queima desportiva, com atividades desportivas e jogos, e a queima dos pequenitos, que inclui uma cerimónia de queima das fitas com alunos do 1.º ciclo do concelho.

SYM // MLM

By Impala News / Lusa

Impala Instagram


RELACIONADOS