Quadro de Velázquez leiloado por 2,8 milhões de euros

O quadro “Amante do Vaticano”, da autoria do pintor espanhol Diego Velázquez, que esteve durante quase três séculos em paradeiro desconhecido, foi hoje vendido por 2,495 milhões de libras (cerca de 2,8 milhões de euros), anunciou a leiloeira britânica Sotheby’s.

Quadro de Velázquez leiloado por 2,8 milhões de euros

Quadro de Velázquez leiloado por 2,8 milhões de euros

O quadro “Amante do Vaticano”, da autoria do pintor espanhol Diego Velázquez, que esteve durante quase três séculos em paradeiro desconhecido, foi hoje vendido por 2,495 milhões de libras (cerca de 2,8 milhões de euros), anunciou a leiloeira britânica Sotheby’s.

A tela, que retrata Olimpia Maidalchini, cunhada e amante do Papa Inocêncio X, estava avaliada entre os 2,2 e os 3,3 milhões de euros, tendo sido hoje leiloada por cerca de 2,8 milhões de euros, revela a Sotheby’s, que foi responsável pelo leilão.

Olimpia Maidalchini, nascida em 1591, foi uma das figuras mais influentes da corte papal, tendo-se casado e enviuvado duas vezes, a última delas do irmão mais velho do Papa Inocêncio X.

Diego Velázquez pintou este retrato em 1650, durante a sua segunda viagem a Roma, um momento de “genialidade” deste artista espanhol, que foi responsável por algumas obras de arte célebres, nomeadamente o “Retrato de Inocêncio X”.

O último registo desta pintura datava de 1724, quando fazia parte da coleção do cardeal Pompeo Aldrovandi, de Bolonha e Roma.

A “Amante do Vaticano” acabou por tornar-se numa das poucas pinturas de Velázquez que permaneceram na posse de privados.

AJO (FAC) // JPF

By Impala News / Lusa

Impala Instagram


RELACIONADOS