Posto da GNR inaugurado por Eduardo Cabrita está sem patrulhas

O posto da GNR do Livramento, em Mafra, inaugurado há dois meses e meio na presença do ministro da Administração Interna, Eduardo Cabrita, não tem efetivo suficiente para constituir uma patrulha.

Posto da GNR inaugurado por Eduardo Cabrita está sem patrulhas

Posto da GNR inaugurado por Eduardo Cabrita está sem patrulhas

O posto da GNR do Livramento, em Mafra, inaugurado há dois meses e meio na presença do ministro da Administração Interna, Eduardo Cabrita, não tem efetivo suficiente para constituir uma patrulha.

O posto da GNR do Livramento, em Mafra, inaugurado há dois meses e meio (28 de junho) e que contou com a presença do ministro da Administração Interna, Eduardo Cabrita, não tem efetivo suficiente para constituir uma patrulha. De acordo com o CM, que teve acesso ao escalamento de patrulhas do agrupamento de postos de Mafra e Sintra, do qual o Livramento faz parte, o documento revela que, nos últimos sete dias, a vigilância na área patrulhada pelo posto – que garante a segurança de 8200 habitantes – foi assegurada por dez militares do posto da Malveira.

GNR deixa esclarecimento

A conjugação de folgas, férias e ausências por outros motivos, levaram a que só quatro guardas estivessem disponíveis durante toda a semana, número insuficiente para formar patrulhas. A GNR garante que “faz o balanceamento dos efetivos e viaturas para que a operacionalidade não fique comprometida em qualquer circunstância”.

LEIA AINDA
Juiz negacionista desafia polícia à porta do Conselho da Magistratura [vídeo]
PSP apresenta queixa contra juiz negacionista após ameaças a polícias
“O meu lugar é acima de si. O senhor está abaixo de mim”, disse Rui Fonseca e Castro, o juiz negacionista, aos agentes da PSP que ali estavam presentes. (… continue a ler aqui)

Impala Instagram


RELACIONADOS