PIB do Reino Unido no 3.º trimestre sobe 15,5% em cadeia e cai 9,6% em termos homólogos

O Produto Interno Bruto britânico cresceu 15,5% em cadeia, no terceiro trimestre, tirando o país tecnicamente da recessão, e caiu 9,6% em termos homólogos, informou hoje o National Statistics Office.

PIB do Reino Unido no 3.º trimestre sobe 15,5% em cadeia e cai 9,6% em termos homólogos

PIB do Reino Unido no 3.º trimestre sobe 15,5% em cadeia e cai 9,6% em termos homólogos

O Produto Interno Bruto britânico cresceu 15,5% em cadeia, no terceiro trimestre, tirando o país tecnicamente da recessão, e caiu 9,6% em termos homólogos, informou hoje o National Statistics Office.

Enquanto este número reflete uma recuperação da atividade económica no Reino Unido, o PIB está 9,7% abaixo do nível registado no final de 2019, disse o instituto de estatística britânico.

Segundo o ONS, vários setores receberam um impulso, incluindo o da construção.

O setor dos serviços, considerado o pulmão económico do país, subiu 14,2% no terceiro trimestre, enquanto que o da indústria aumentou 14,3% e a construção civil 41,7%, disse o ONS.

Contudo, os níveis de atividade nestes setores estão abaixo dos observados antes do surto da pandemia no início do ano, que forçou o Governo a decretar um encerramento a nível nacional em março para conter a propagação da covid-19.

O aumento no setor dos serviços deveu-se em grande parte a melhorias no comércio por grosso e a retalho, bem como na reparação de veículos e motociclos, de acordo com a ONS.

O Reino Unido emergiu tecnicamente da recessão em que tinha entrado em agosto ao registar dois trimestres consecutivos de contração económica devido ao impacto da pandemia em todos os setores.

O diretor-adjunto de Estatística do ONS, Jonathan Athow, disse hoje que, “enquanto os principais setores da economia continuam a recuperar, o ritmo de crescimento abrandou novamente, uma vez que a economia permanece muito abaixo dos níveis pré-pandemia”.

“O regresso das crianças à escola impulsionou a atividade no setor da educação. A construção também continuou a recuperar à medida que a atividade melhorou para advogados e economistas após um agosto fraco”, acrescentou Athow.

Apesar das boas notícias de hoje, os analistas advertiram que é provável que o PIB volte a cair nos últimos três meses do ano devido às medidas restritivas em diferentes partes do Reino Unido para conter a segunda vaga da covid-19.

O segundo confinamento em Inglaterra começou no dia 05 de novembro e irá durar até 02 de dezembro.

MC // EA

By Impala News / Lusa

Impala Instagram


RELACIONADOS