Pandemia custou ao Estado 1.461 ME até abril

As medidas de mitigação e combate contra a covid-19 custaram aos cofres do Estado 1.461 milhões de euros nos primeiros quatro meses do ano, anunciou hoje o Ministério das Finanças.

Pandemia custou ao Estado 1.461 ME até abril

Pandemia custou ao Estado 1.461 ME até abril

As medidas de mitigação e combate contra a covid-19 custaram aos cofres do Estado 1.461 milhões de euros nos primeiros quatro meses do ano, anunciou hoje o Ministério das Finanças.

“Não obstante a menor magnitude das medidas covid-19 em 2022 face ao período homólogo, o impacto no saldo até abril ascende a 1.461 milhões de euros”, adiantou, em comunicado, o executivo.

Para este valor contribuíram as medidas extraordinárias do lado da receita, que corresponderam a 240 milhões de euros.

Destaca-se aqui a perda da receita que decorre da prorrogação do pagamento do IVA, que se fixou em 241 milhões de euros, bem como o encaixe da revenda de vacinas contra a covid-19 a países terceiros.

No que se refere à despesa, as medidas com impacto no saldo representaram 1.221 milhões de euros, destacando-se os apoios direcionados ao rendimento das famílias (340 milhões de euros) e ao setor da saúde (429 milhões de euros) e às empresas (320 milhões de euros).

PE // JNM

By Impala News / Lusa

Impala Instagram


RELACIONADOS