Minas Gerais: Número de mortos por causa de chuvas sobe para 24

O número de mortos no estado brasileiro de Minas Gerais, fortemente afetado pela chuva nos últimos dias, subiu de 19 para 24 com o acréscimo de cinco vítimas nas últimas 24 horas, informou hoje a Defesa Civil.

Minas Gerais: Número de mortos por causa de chuvas sobe para 24

Minas Gerais: Número de mortos por causa de chuvas sobe para 24

O número de mortos no estado brasileiro de Minas Gerais, fortemente afetado pela chuva nos últimos dias, subiu de 19 para 24 com o acréscimo de cinco vítimas nas últimas 24 horas, informou hoje a Defesa Civil.

O balanço da Defesa Civil de Minas Gerais destacou que 341 cidades estão em situação de emergência e 28.602 pessoas saíram de suas casas devido às chuvas. As chuvas neste estado brasileiro aumentaram desde o último fim de semana e deixaram várias cidades isoladas por enchentes que bloquearam estradas e derrubaram várias pontes, além de colocar uma barragem em risco de colapso. De acordo com especialistas em clima, as chuvas vão persistir ao longo desta semana.

LEIA DEPOIS
Pedido de extradição de João Rendeiro já foi recebido pela justiça sul-africana

Chuvas em Minas Gerais na origem de queda de escarpa da Lagoa das Furnas

No quadro desta tempestade em Minas Gerais, ocorreu no dia 8 um grave acidente na Lagoa de Furnas, quando o desprendimento de um enorme paredão rochoso de um ‘canyon’ caiu sobre quatro embarcações, deixando um saldo de 10 mortos e 30 feridos. As investigações ainda analisam as causas do acidente, mas uma das hipóteses mais fortes é que as fortes chuvas tenham contribuído para a queda da parede de rocha. Se isso se verificar, o número de vítimas fatais subirá já que a Defesa Civil de Minas Gerais não as incluiu no balanço de mortes pelas chuvas até que as investigações sejam concluídas.

Minas Gerais, localizado no sudeste do Brasil, é o segundo estado mais afetado pelas chuvas no país desde que o verão começou no final do ano passado. O estado da Bahia, no nordeste do Brasil, também sofreu fortes chuvas entre novembro e dezembro. Neste estado, as tempestades mataram pelo menos 24 pessoas, deixaram dezenas de cidades submersas e forçaram quase 100 mil pessoas a deixar suas casas.

Impala Instagram


RELACIONADOS