Moçambique doa 42 toneladas de produtos alimentares às vítimas de cheias na África do Sul

O Governo moçambicano doou hoje 42 toneladas de produtos alimentares diversos às vítimas das cheias em Kwazulu Natal, na África do Sul, num gesto de solidariedade para com o povo do país vizinho.

Moçambique doa 42 toneladas de produtos alimentares às vítimas de cheias na África do Sul

Moçambique doa 42 toneladas de produtos alimentares às vítimas de cheias na África do Sul

O Governo moçambicano doou hoje 42 toneladas de produtos alimentares diversos às vítimas das cheias em Kwazulu Natal, na África do Sul, num gesto de solidariedade para com o povo do país vizinho.

A diretora-geral do Instituto Nacional de Gestão de Desastres (INGD) de Moçambique, Luísa Meque, disse, em declarações à emissora pública Rádio Moçambique, que o executivo doou 20 toneladas de massa esparguete, 10 de arroz, igual número de farinha de milho e dois de açúcar.

“Nós estamos aqui para demonstrar a nossa solidariedade, é uma singela amostra de que não queríamos ficar distantes”, afirmou Meque.

O gesto, prosseguiu, é prova da irmandade entre os povos moçambicano e sul-africano.

A ministra dos Assuntos Corporativos e Tradicionais da África do Sul, Nkosazana Dlamini Zuma, agradeceu a oferta, assinalando que a ajuda traduz a histórica fraternidade entre os dois países e povos.

“É a prova de que não é preciso ter muito para ajudar”, afirmou Zuma.

Moçambique é normalmente um país recetor de ajuda internacional, devido à devastação ciclicamente provocada por calamidades naturais e guerras, mas doa simbolicamente ajuda a outros países, sobretudo da África Austral, quando são assolados por catástrofes.

As inundações em Kwazulu Natal provocaram mortes e destruição de infraestruturas públicas e privadas.

 

PMA // LFS

By Impala News / Lusa

Impala Instagram


RELACIONADOS