Mais de 148 mil alunos inscritos para os exames nacionais do ensino secundário

Mais de 148 mil alunos estão inscritos para os exames do ensino secundário, a maioria para aceder ao ensino superior, com Biologia e Geologia, Português e Física e Química e Matemática entre as mais concorridas.

Mais de 148 mil alunos inscritos para os exames nacionais do ensino secundário

Mais de 148 mil alunos inscritos para os exames nacionais do ensino secundário

Mais de 148 mil alunos estão inscritos para os exames do ensino secundário, a maioria para aceder ao ensino superior, com Biologia e Geologia, Português e Física e Química e Matemática entre as mais concorridas.

De acordo com os dados do Júri Nacional de Exames, divulgados hoje pelo Ministério da Educação, estão inscritos para a 1.ª fase dos exames nacionais 148.844 alunos, que vão realizar 263.330 provas.

Dos 65.903 rapazes e 82.941 raparigas inscritos, 109.650 vai a exame apenas com o objetivo de se candidatar ao ensino superior, ou seja, 74% do total, e em média cada aluno realiza mais de um exame.

Há ainda 31.912 alunos a prestar provas para tentar melhorar a classificação final da disciplina.

À semelhança dos anos anteriores, Biologia e Geologia (45.146), Português (43.573), Física e Química A (42.277) e Matemática A (40.717) são as provas com maior número de inscritos.

Português e Matemática A são as provas mais usadas para candidatura ao ensino superior, com 40.352 e 37.419 inscritos, respetivamente, com esse objetivo, enquanto Biologia e Geologia e Física e Química A são as que têm um maior número de alunos inscritos para melhoria de nota, com 12.995 e 11.028 inscrições, respetivamente, para esse efeito.

As provas de Português Língua Não Materna são as que têm menos alunos inscritos (16), seguidas de Mandarim e Português Língua Segunda, com 21 inscritos, e Latim A, com 29 inscritos.

Os cursos científico-humanísticos do ensino regular, como habitualmente, representam a grande maioria das inscrições (86%), havendo 9% de inscritos com origem nos cursos profissionais.

Os cursos artísticos especializados, o ensino recorrente e provas para equivalências representam, em cada um dos casos, 1% das inscrições.

Cerca de metade dos alunos que este ano vão a exame são de Ciências e Tecnologias, seguida de Línguas e Humanidades (21%) e Ciências Socioeconómicas (12%).  

A 1.ª fase dos exames do ensino secundário arranca a 17 de junho, com a prova de Português, às 09:30.

O exame de Biologia e Geologia decorre a 21 de junho, pelas 09:30, Física e Química A a 27 de junho, também pelas 09:30, e Matemática A a 30 de junho, à mesma hora.

A última prova da 1.ª fase é no dia 06 de julho, com a prova de História B.

 

MYCA // ZO

By Impala News / Lusa

Impala Instagram


RELACIONADOS