Mãe embriagada esmaga o filho recém-nascido até à morte

Mãe há apenas um mês, Marina, de 26 anos, foi condenada a pena de prisão por adormecer alcoolizada em cima do filho recém-nascido, após noitada de copos.

Mãe embriagada esmaga o filho recém-nascido até à morte

Mãe há apenas um mês, Marina, de 26 anos, foi condenada a pena de prisão por adormecer alcoolizada em cima do filho recém-nascido, após noitada de copos.

Marina Tilby, de 26 anos, tinha sido mãe há semanas quando decidiu fazer a primeira noitada com amigos, no País de Gales. Como não tinha com quem deixar o bebé, levou-o, apesar de o local de diversão eleito ter sido uma discoteca. Alguns dos presentes no local relataram mais tarde às autoridades que a mulher, mãe há apenas um mês, estava visivelmente embriagada e que, enquanto dançava, atirava frequentemente o recém-nascido ao ar.

LEIA DEPOIS
Madonna mostra os mamilos em protesto contra o Instagram

Mãe assassina condenada a dois anos e quatro meses de prisão

Marina conheceu dois homens no local e acabou por aceitar o convite para uma escapadela até  à casa de um deles. Na manhã seguinte, quando acordou, Marina reparou que o bebé não se mexia nem respondia a qualquer estímulo. Embriagada, adormecera em cima do filho e acabou por matá-lo. A criança chegou a ser levada para o hospital mais próximo, onde chegou já sem vida. A mãe foi detida depois de revelar aos médicos o que tinha provocado a paragem cardíaca do filho. Recentemente, foi condenada a dois anos e quatro meses de prisão. Durante o julgamento, relata o The Independent, admitiu que foi negligente.

LEIA MAIS
Previsão do tempo para quinta-feira, 13 de junho de 2019
Casal de idosos abandonado por filho num bar
«Tive dois bebés mortos dentro de mim durante duas semanas»

Impala Instagram


RELACIONADOS