Mãe que abandonou filho no lixo condenada a nove anos de prisão

A mulher que abandonou o filho recém-nascido num caixote do lixo junto à discoteca Lux, em Lisboa, em 2019, foi hoje (21) condenada a nove anos de prisão.

Mãe que abandonou filho no lixo condenada a nove anos de prisão

Mãe que abandonou filho no lixo condenada a nove anos de prisão

A mulher que abandonou o filho recém-nascido num caixote do lixo junto à discoteca Lux, em Lisboa, em 2019, foi hoje (21) condenada a nove anos de prisão.

A mulher que abandonou o filho recém-nascido num caixote do lixo junto à discoteca Lux, em Lisboa, em 2019, foi hoje (21) condenada a nove anos de prisão. A leitura do acórdão aconteceu nesta quarta-feira no Campus da Justiça. O Ministério Público considerou que Sara Furtado, acusada de tentativa de homicídio qualificado, agiu de forma premeditada. Isto por ter escondido a gravidez da família, do namorado e de outros sem-abrigo com quem vivia junto à referida discoteca, em Santa Apolónia. Em tribunal foi destacado que a morte da criança só não aconteceu por “mera casualidade”.

LEIA TAMBÉM

Impala Instagram


RELACIONADOS