Livro “Para que serve?” e obra ilustrada por Rachel Caiano premiados em Itália

O livro “Para que serve?”, de José Maria Vieira Mendes e Madalena Matoso, e um livro ilustrado por Rachel Caiano foram distinguidos pela Feira do Livro Infantil e Juvenil de Bolonha, em Itália, foi hoje anunciado.

Livro

Livro “Para que serve?” e obra ilustrada por Rachel Caiano premiados em Itália

O livro “Para que serve?”, de José Maria Vieira Mendes e Madalena Matoso, e um livro ilustrado por Rachel Caiano foram distinguidos pela Feira do Livro Infantil e Juvenil de Bolonha, em Itália, foi hoje anunciado.

Marcada para março, a Feira do Livro Infantil e Juvenil de Bolonha atribui todos os anos prémios e menções especiais a livros ilustrados de todo o mundo, em categorias como ficção, não ficção, poesia, banda desenhada ou primeiras obras.

Este ano, o livro ilustrado “Para que serve?”, escrito por José Maria Vieira Mendes e ilustrado por Madalena Matoso, com selo da Planeta Tangerina, obteve uma menção especial na categoria de não-ficção.

“Para que serve?”, que encadeia uma série de questões que dão origem a outras perguntas e a reflexões sobre a utilidade das coisas, nasceu de uma conferência para crianças que o escritor José Maria Vieira Mendes fez em 2019, no Teatro LU.CA, em Lisboa.

O livro, ilustrado com técnicas mistas de desenho, recorte e colagem, já tem os direitos vendidos para neerlandês, francês, inglês, coreano e italiano.

Em 2021, Madalena Matoso também já tinha recebido uma menção especial em Bolonha pelo livro “Tipos curiosos – Pequena história das letras”, escrito por Ricardo Henriques. Em 2018 foi distinguida com “Montanhas”, na área do livro de arte, arquitetura e design.

A ilustradora luso-brasileira Rachel Caiano, radicada em Portugal, também venceu este ano uma menção especial, na categoria de poesia, pelo trabalho visual no livro “Coração de Pássaro”, escrito pela autora espanhola Mar Benegas e editado em catalão, castelhano e português, pela Akiara Books.

Este ano o júri de Bolonha escolheu os vencedores a partir de uma seleção de 2.215 livros ilustrados de 62 países.

A 59.ª edição da Feira do Livro Infantil e Juvenil de Bolonha decorrerá de 21 a 24 de março, em formato presencial, depois de duas edições em que a negociação de direitos, as conferências, os debates e as exposições de ilustração ocorreram apenas em formato ‘online’, por causa da covid-19.

A Feira do Livro Infantil e Juvenil de Bolonha é considerada o mais relevante evento profissional na área do livro ilustrado e para a infância – pela dimensão e participação do setor.

SS // MAG

By Impala News / Lusa

Impala Instagram


RELACIONADOS