Lisboa, Leiria e Setúbal sob aviso laranja devido a granizo

Os distritos de Leiria, Lisboa e Setúbal estão, nesta segunda-feira, sob aviso laranja devido à previsão de aguaceiros, por vezes fortes, de granizo e acompanhados de rajadas de vento forte.

Lisboa, Leiria e Setúbal sob aviso laranja devido a granizo

Lisboa, Leiria e Setúbal sob aviso laranja devido a granizo

Os distritos de Leiria, Lisboa e Setúbal estão, nesta segunda-feira, sob aviso laranja devido à previsão de aguaceiros, por vezes fortes, de granizo e acompanhados de rajadas de vento forte.

Os distritos de Leiria, Lisboa e Setúbal estão, nesta segunda-feira, sob aviso laranja devido à previsão de aguaceiros, por vezes fortes, de granizo e acompanhados de rajadas de vento forte. Estes três distritos vão estar sob aviso laranja até às 12 horas, passando depois a aviso amarelo até às 12 horas de quarta-feira, avança o Instituto Português do Mar e da Atmosfera (IPMA).

O IPMA colocou também 15 distritos do continente sob aviso amarelo por causa dos aguaceiros, por vezes fortes, de granizo e acompanhados de rajadas de vento forte e trovoadas frequentes e dispersas até às 12 horas de quarta-feira. Também o arquipélago da Madeira está até às 15 horas sob aviso amarelo, devido à previsão de períodos de chuva ou aguaceiros, por vezes fortes, e trovadas frequentes e dispersas.

O aviso laranja é emitido pelo IPMA quando existe uma situação meteorológica de risco moderado a elevado e o aviso amarelo sempre que há risco para determinadas atividades dependentes da situação meteorológica. O IPMA prevê “muita instabilidade” até quinta-feira, com “precipitações localmente fortes”, particularmente em Leiria, Lisboa e Setúbal.

Trovoadas frequentes

De acordo com o IPMA, “são expectáveis precipitações localmente fortes, com impactos significativos, em particular em meios urbanos, onde há risco de cheias rápidas, e na circulação rodoviária”. “Há ainda condições para a ocorrência de trovoadas frequentes e fenómenos extremos de vento muito localizados”, refere, apontando que o cenário “deverá ser mais severo” na terça e quarta-feira. Adicionalmente, prevê-se uma descida da temperatura máxima esta segunda-feira e na terça-feira.

Esta situação ocorre “devido à aproximação de uma depressão a Portugal continental com expressão em altitude, à qual estão associadas massas de ar tropicais, instáveis e com elevados conteúdos em vapor de água”.

Face às previsões meteorológicas de chuva forte e persistente, a Autoridade Nacional de Emergência e Proteção Civil (ANEPC) alertou no domingo para o risco de cheias e inundações na Grande Lisboa e Setúbal, assim como no Algarve. Em comunicado, refere que há também o risco da subida do nível das águas dos rios e ribeiras do Algarve, “que poderão causar inundações nas zonas urbanas e mais impermeabilizadas”, pelo que recomenda “especial atenção à eventual conjugação dos picos de precipitação com as horas previstas para a preia-mar”.

Impala Instagram


RELACIONADOS