Lesoto. Primeira dama acusada de matar ex-mulher do marido

O crime que está a chocar o Lesoto ocorreu em 2017, dois dias antes da tomada de posse do primeiro-ministro para o seu segundo mandato, em junho.

Lesoto. Primeira dama acusada de matar ex-mulher do marido

Lesoto. Primeira dama acusada de matar ex-mulher do marido

O crime que está a chocar o Lesoto ocorreu em 2017, dois dias antes da tomada de posse do primeiro-ministro para o seu segundo mandato, em junho.

O crime que está a chocar o Lesoto ocorreu em 2017, dois dias antes da tomada de posse do primeiro-ministro para o seu segundo mandato, em junho.

A primeira dama do Lesoto, na África Austral, está acusada de assassinar a ex-mulher do seu marido, o primeiro-ministro, Thomas Thabane. Maesaiah Thabane, de 42 anos e é casada com o primeiro-ministro, que tem 80 anos.  Lipolelo Thabane, a primeira mulher, foi baleada à porta de casa em Maseru, a capital do pequeno país que é rodeado pela África do Sul, quando ainda estavam a ser negociadas as condições do divórcio. Nessa noite, estava acompanhada por outra mulher, que também ficou ferida mas sobreviveu. Thomas Thabane tinha casado com Maesaiah cerca de dois meses depois de se divorciar da primeira mulher

Segundo avança a CNN,  Maesaiah Thabane entregou-se à polícia em Maseru, na capital, poucas semanas após ter sido convocada para prestar declarações sobre o crime. Tinha faltado à convocatória a abandonou o país a 10 de janeiro, e desde então tornou-se a principal suspeita do crime. Estaria prestes a ser emitido um mandato de captura mas Maesaiah regressou ao país e esta terça-feira, dia 4, entregou-se às autoridades.

Na sequência deste escândalo, Thomas Thabane colocou o lugar à disposição, embora não exista uma data para a saída oficial. Há cerca de duas semanas a polícia interrogou o primeiro ministro devido ao alegado uso do seu telemóvel para comunicar com alguém que esteve na cena do crime.

 

LEIA MAIS Polícia do Rio de Janeiro acusada de destruir provas em cena de crime

Texto: Marta Amorim | Fotos: DR

Impala Instagram


RELACIONADOS