Incêndios: Marcelo regressa ao centro nos dias 15 e 16 para ver mudança para melhor

Incêndios: Marcelo regressa ao centro nos dias 15 e 16 para ver mudança para melhor

O Presidente da República disse que vai visitar a zona centro do país a 15 e 16 de outubro, precisamente um ano após os grandes incêndios, para ver a diferença “felizmente para melhor”.

À margem de uma vista ao Palácio de Mateus, em Vila Real, Marcelo Rebelo de Sousa disse que vai estar em algumas das áreas atingidas pelo grande incêndio do ano passado, que assolou a zona centro do país, para inaugurar algumas fábricas que foram afetadas pelo fogo.

“Ou para ver aquilo que já é resultado do trabalho de muita gente, municípios, freguesias, empresas ou grupos de cidadãos. A sociedade, com o apoio da administração local e em muitos casos da administração central, reagiu e recomeçou a sua vida e eu vou ver, exatamente no sítio onde estive há um ano, aquilo que é hoje”, salientou.

E vai ver, frisou, a “diferença felizmente para melhor”.

O Presidente da República fez questão de salientar que este é, no entanto, um processo que “não para” e elencou a sua preocupação, que agora diz que é de todos os portugueses, que é “não deixar cair a atenção em relação aos ‘portugais’ desconhecidos ou esquecidos ou minimizados”.

“Portugais” do interior do país e que foram objeto de atenção pela pior das razões, as tragédias, mas que, afirmou, “têm de estar sempre presentes no espírito”.

O Presidente da República foi ainda questionado sobre o Orçamento de Estado, repetindo que não se quer pronunciar sobre o documento que o Governo vai apresentar até ao dia 15 de outubro.

Marcelo Rebelo de Sousa disse que, até receber o diploma, não quer formular nenhum juízo.

PLI // JPS

By Impala News / Lusa


RELACIONADOS

Incêndios: Marcelo regressa ao centro nos dias 15 e 16 para ver mudança para melhor

O Presidente da República disse que vai visitar a zona centro do país a 15 e 16 de outubro, precisamente um ano após os grandes incêndios, para ver a diferença “felizmente para melhor”.