Incêndio em habitação na Maia mata mãe e filho

Duas pessoas morreram e outra sofreu queimaduras graves na sequência de um incêndio ocorrido hoje numa habitação de Castêlo da Maia, distrito de Porto, por causas que a PJ está a investigar.

Incêndio em habitação na Maia mata mãe e filho

Incêndio em habitação na Maia mata mãe e filho

Duas pessoas morreram e outra sofreu queimaduras graves na sequência de um incêndio ocorrido hoje numa habitação de Castêlo da Maia, distrito de Porto, por causas que a PJ está a investigar.

Duas pessoas morreram e outra sofreu queimaduras graves na sequência de um incêndio ocorrido hoje numa habitação de Castêlo da Maia, distrito de Porto, por causas que a Polícia Judiciária está a investigar, informaram os bombeiros. O alerta para o incêndio num edifício de rés-do-chão e primeiro andar foi dado cerca das 05:00 e quando os meios de socorro chegaram ao local encontraram uma das pessoas já sem vida e uma segunda em paragem cardiorrespiratória, que acabou por morrer no local, apesar das manobras de reanimação empreendidas.

LEIA DEPOIS
Covid-19: Subsídio de risco extraordinário retirado a militares da GNR

Terceira vítima do incêndio está em estado grave

A terceira pessoa foi levada ao Hospital de São João, no Porto, em estado descrito como grave. Os bombeiros de Moreira da Maia disseram à agência Lusa que todas as vítimas pertencem ao mesmo núcleo familiar, mas não souberam indicar as idades e o parentesco concreto, mas o Correio da Manhã avança que ambas as vítimas mortais são mãe e filho. A GNR foi a primeira autoridade policial ao local, sendo chamados depois inspetores a Polícia Judiciária.

LEIA TAMBÉM
Portugal atingiu sexta-feira meta de 85% da população vacinada

 

Impala Instagram


RELACIONADOS