Homem sequestrado, agredido e deixado nu em Oliveira de Azeméis

Foram detidos quatro suspeitos, entre os 22 e os 37 anos, sem ocupação profissional e com vários antecedentes.

Homem sequestrado, agredido e deixado nu em Oliveira de Azeméis

Homem sequestrado, agredido e deixado nu em Oliveira de Azeméis

Foram detidos quatro suspeitos, entre os 22 e os 37 anos, sem ocupação profissional e com vários antecedentes.

A Polícia Judiciária deteve quatro suspeitos de terem sequestrado roubado e agredido um homem em São João da Madeira, deixando-o sem roupas num local ermo.

“No âmbito de uma investigação em curso pelos crimes de sequestro, roubo e ofensa à integridade física qualificada, a PJ realizou, no dia de hoje, buscas domiciliárias em Oliveira de Azeméis e Santa Maria da Feira, detendo quatro suspeitos, fortemente indiciados pela prática daqueles crimes”, refere um comunicado.

Factos ocorreram a 19 de julho

Os factos ocorreram “no dia 19 de julho, ao final da tarde, na zona de São João da Madeira, na via pública. Os suspeitos abordaram o ofendido, obrigando-o a entrar numa viatura, levando-o, em seguida, para um local ermo, em Oliveira de Azeméis, onde foi violentamente agredido e desapossado dos seus bens e roupas”.

Ainda de acordo com o relato policial, “ao fim de cerca de duas horas de agressões e sevícias, o ofendido conseguiu fugir e pedir auxílio numa residência nas proximidades”.

Os detidos, entre os 22 e os 37 anos, sem ocupação profissional e com vários antecedentes por crimes de roubo e tráfico de estupefacientes, vão ser presentes a Tribunal para aplicação de medidas de coação.

VEJA AGORA
Mãe esfaqueia filho por não parar de jogar videojogos
Mãe esfaqueia filho por não parar de jogar videojogos
Aconteceu em Lisboa. Uma mulher de 40 anos foi detida por esfaquear o filho adolescente por se sentir injuriada e insultada após este não parar de jogar videojogos (… continue a ler aqui)

 

Impala Instagram


RELACIONADOS