Governador da Florida aconselha pessoas na rota do furacão a procurarem refúgio

Governador da Florida aconselha pessoas na rota do furacão a procurarem refúgio

O governador do Estado norte-americano da Florida, Rick Scott, está a avisar a população que se encontra na rota do furacão Michael de que é demasiado tarde para fugir e deve procurar refúgio imediatamente.

Numa mensagem publicada hoje de manhã na rede social Twitter, Scott escreveu: “Se optaram por ficar numa zona que foi alvo de ordem de evacuação, devem PROCURAR REFÚGIO IMEDIATAMENTE”.

Cerca de 375.000 pessoas em mais de 20 condados do Estado da Florida receberam ordem de evacuação ou foram aconselhadas a abandonarem as suas casas, noticiou a imprensa.

O furacão Michael aumentou de intensidade durante a noite, sendo agora de categoria 4 (na escala de Saffir-Simpson, que vai até 5), e os responsáveis do National Hurricane Center (NHC) em Miami afirmam que nunca uma tempestade tão forte atingiu a Língua de Terra da Florida.

Na rede social Facebook, o porta-voz do NHC Dennis Feltgen escreveu: “Estamos em novo território, com o furacão Michael a os seus ventos sustentados de 130 quilómetros por hora”.

De acordo com o porta-voz, Bay County será provavelmente o “ground zero” do furacão (a área por onde passará) hoje à tarde.

Entretanto, o gabinete do xerife de Bay County avisou os residentes de que foi emitida uma ordem de “shelter-in-place” (“abriguem-se no local onde estiverem”, em tradução livre) e desaconselhou toda a gente de circular nas estradas.

As autoridades indicaram que vão continuar a responder a chamadas, por enquanto, mas que isso mudará quando o “potencialmente catastrófico” furacão se aproximar da linha costeira.

Ventos cada vez mais fortes, com rajadas de 230 quilómetros por hora, sopram já na Florida, indicou o NHC, acrescentando que o furacão Michael provocará perigosas inundações e chuva torrencial e poderá tornar-se ainda mais forte antes de tocar terra.

Depois de passar pela Cidade do Panamá, onde a população se refugiou o melhor que pôde, barricada nas habitações com sacos de areia ou em abrigos improvisados, e pela Florida, espera-se que o furacão Michael enfraqueça ao atravessar o sudeste dos Estados Unidos, hoje à noite e durante o dia de quinta-feira, e se afaste em direção ao Atlântico na sexta-feira.

“Estamos muito bem preparados”, declarou na terça-feira o Presidente dos Estados Unidos, Donald Trump.

A Agência Federal de Gestão de Situações de Emergência (FEMA) “está pronta, toda a gente está pronta”, acrescentou.

Trump aprovou na terça-feira a declaração do estado de emergência em 35 condados da Florida, o que permite desbloquear meios materiais adicionais, bem como fundos federais, para enfrentar as consequências do furacão.

Os responsáveis dos vizinhos Estados do Alabama e da Geórgia, que deverão também sofrer o impacto do Michael, declararam igualmente o estado de catástrofe.

No total, 2.500 soldados da Guarda Nacional foram mobilizados.

A Florida foi fortemente atingida pelo furacão Irma há um ano.

ANC // FPA

By Impala News / Lusa


RELACIONADOS

Governador da Florida aconselha pessoas na rota do furacão a procurarem refúgio

O governador do Estado norte-americano da Florida, Rick Scott, está a avisar a população que se encontra na rota do furacão Michael de que é demasiado tarde para fugir e deve procurar refúgio imediatamente.