GNR interrompe casamento com 300 pessoas em Moura

A cerimónia não foi comunicada e autorizada pela Autoridade de Saúde e os agentes da autoridade, ao deslocarem-se ao local, confirmaram a presença de três centenas de convidados.

GNR interrompe casamento com 300 pessoas em Moura

GNR interrompe casamento com 300 pessoas em Moura

A cerimónia não foi comunicada e autorizada pela Autoridade de Saúde e os agentes da autoridade, ao deslocarem-se ao local, confirmaram a presença de três centenas de convidados.

A GNR interrompeu um casamento com cerca de 300 pessoas esta quarta-feira em Moura, refere um comunicado das autoridades.

A cerimónia não foi comunicada e autorizada pela Autoridade de Saúde e os agentes da autoridade, ao deslocarem-se ao local, confirmaram a presença de três centenas de convidados.

“A intervenção resultou na interrupção da cerimónia, tendo apenas sido autorizados a permanecer no local os cidadãos residentes”, pode ler-se.

Os factos foram remetidos ao Tribunal Judicial de Moura.

Recorde-se que Portugal encontra-se em estado de contingência devido à pandemia de covid-19, onde os ajuntamentos estão limitados a 10 pessoas.

LEIA MAIS Mais de metade dos médicos não usaram equipamentos de proteção adequados no estado de emergência

Impala Instagram


RELACIONADOS