Exames e provas nacionais deixam de ser feitos em papel até 2025

Está prevista uma verba total de 559 milhões de euros para a inovação pedagógica e para o desenvolvimento do digital.

Exames e provas nacionais deixam de ser feitos em papel até 2025

Exames e provas nacionais deixam de ser feitos em papel até 2025

Está prevista uma verba total de 559 milhões de euros para a inovação pedagógica e para o desenvolvimento do digital.

Todos os exames e provas nacionais vão, de forma progressiva, passar a ser feitos em formato digital. Segundo o Jornal de Notícias, o Plano de Recuperação e Resiliência (PRR) prevê um investimento de 12 milhões de euros para a mudança da avaliação até ao final de 2025. Está prevista uma verba total de 559 milhões de euros para a inovação pedagógica e para o desenvolvimento do digital.

De acordo com a mesma publicação, o objetivo é “adotar processos desmaterializados de elaboração, distribuição, aplicação, realização e classificação das provas de avaliação interna e externa no âmbito da atividade do Instituto de Avaliação Educativa”.

O diagnóstico feito a alunos do 3.º, 6.º e 9.º ano, este ano, para avaliar o impacto do ensino à distância já foi feito de forma digital.

O Governo quer reverter as baixas médias de literacia digital ou especialistas em tecnologias de informação e recorrer ao Plano de Recuperação e Resiliência para melhorar os equipamentos e infraestruturas das escolas.

 

LEIA AINDA
Homicida condenado a pena suspensa deixa família da vítima indignada
Mulher sobrevive com balas cravadas na cara e no pescoço
O homem preparou uma emboscada na rua à ex-companheira e, armado com uma pistola de calibre .22, fez um primeiro disparo à queima-roupa, a menos de um metro da vítima. (… continue a ler aqui)

 

Impala Instagram


RELACIONADOS