Encontrado corpo de estudante português desaparecido na República Checa

As autoridades checas confirmaram, esta terça-feira de manhã, que o corpo encontrado ao início da noite de segunda-feira numa claraboia, junto ao bloco de apartamentos onde vivia o português Tomás Alcaravela, pertence ao jovem de 19 anos que estava desaparecido desde sábado. O corpo foi encontrado durante as buscas pelo estudante de Medicina num prédio na rua Puškinova.

Encontrado corpo de estudante português desaparecido na República Checa

Encontrado corpo de estudante português desaparecido na República Checa

As autoridades checas confirmaram, esta terça-feira de manhã, que o corpo encontrado ao início da noite de segunda-feira numa claraboia, junto ao bloco de apartamentos onde vivia o português Tomás Alcaravela, pertence ao jovem de 19 anos que estava desaparecido desde sábado. O corpo foi encontrado durante as buscas pelo estudante de Medicina num prédio na rua Puškinova.

As autoridades checas confirmaram, esta terça-feira de manhã, que o corpo encontrado ao início da noite de segunda-feira numa claraboia, junto ao bloco de apartamentos onde vivia o estudante português Tomás Alcaravela, pertence ao jovem de 19 anos que estava desaparecido desde sábado. O corpo foi encontrado durante as buscas pelo estudante de Medicina num prédio na rua Puškinova.

De acordo com a imprensa checa, a janela da casa de banho do apartamento, no último andar, em que o jovem morava daria acesso direto à claraboia “de difícil acesso” onde o corpo foi encontrado. A causa da morte não é conhecida e só a autópsia poderá clarificar.

O jovem, de 19 anos, foi visto pela última vez na madrugada de sábado. De acordo com a Associação de Estudantes que representa os estudantes internacionais da Charles University, o esudante foi visto a entrar para o seu apartamento por volta das cinco da manhã de sábado. Horas depois já não estava no local. As tentativas de localização do telemóvel, que emitiu três alertas, não produziram resultados, assim como as buscas nos hospitais próximos.

Filho de conhecido cardiologista

De acordo com o Jornal de Abrantes, Tomás Alcaravela é filho do cardiologista Jorge Alcaravela e neto de Silvino Alcaravela, antigo gestor hospitalar no Hospital de Abrantes e no Centro Hospitalar do Médio Tejo. A Secretaria de Estado das Comunidades Portuguesas está a acompanhar o caso. A frequentar o 2º ano de Medicina na Universidade de Charles, Tomás era o mais velho de quatro irmãos.

Impala Instagram


RELACIONADOS